Cidadeverde.com
Geral

Semeando Esperança: show beneficente busca doações para projeto

Imprimir

Foto: Projeto Semeando Esperança


Um show beneficente busca arrecadar fundos para comprar o imóvel onde o Projeto Semeando Esperança se desenvolve em Teresina. 

O evento está marcado para ocorrer na próxima terça-feira, dia 14 de janeiro, a partir das 18h30, no Theatro 4 de Setembro, no Centro de Teresina, com apresentações de Amauri Jucá, Vavá Ribeiro e Validuaté. "Todos doaram sua arte e seu trabalho por essa causa de amor", disse a psicóloga Indira Arrais, voluntária do projeto.  No evento haverá um bazar para reforçar as doações. 

O Projeto Semeando Esperança é mantido pela Casa de Mãe Maria, que funciona na Vila Ladeira do Uruguai, na zona Leste de Teresina.  "O ingresso do show custa R$30 e está a venda no site, com os voluntários, e na bilheteria do teatro no dia do evento a partir das 14 horas". Uma vaquinha online foi aberta para ajudar na arrecadação.

"O show é mais uma tentativa de angariar fundos pra manter o projeto funcionando, pois precisamos adquirir o imóvel onde o projeto se desenvolve. Nós fornecemos educação moral, social e ambiental e alimentação para aproximadamente 105 crianças. A casa se mantém através de doações dos voluntários e corações amigos que conhecem o projeto e colaboram com o que podem", conta Indira. 

O Projeto Semeando Esperança funciona aos sábados, manhã e tarde, sendo que as crianças e adolescentes são divididas em grupos de acordo com a idade. "As famílias também são beneficiadas com cestas básicas, educação profissionalizante, palestras e rodas de conversa, e atendimento médico, orientação psicológica e de assistência social quando necessário.

Nessa ação social há também a fabricação e distribuição de sopa, o Sopa Fraterna Francisco de Assis, são 200 litros todos os sábados; e o projeto de capacitação profissional e cidadania para as mães, que é o Florescer Mulher.

"Nós focamos em trabalhar valores como: respeito, fraternidade, paz, perdão, família, lar, esperança, amor, compreensão. Com o intuito de auxiliar na formação da personalidade dessas pequenas mentes, com objetivo de torná-los cidadãos comprometidos com eles, com a comunidade, com a sociedade. E claro, afastá-los da drogadição, violência, prostituição, criminalidade etc.", ressalta a voluntária. 


Carlienne Carpaso
[email protected] 

Imprimir