Cidadeverde.com
Geral

Chuva deixa cinco mortos no Espírito Santo; prefeito diz que cidade acabou

Imprimir

As fortes chuvas que atingem o Espírito Santo desde a noite desta sexta-feira (17) deixaram cinco mortos no sul do estado. Duas pessoas morreram na cidade de Iconha e três em Alfredo Chaves.

Vídeos compartilhados nas redes sociais mostram a gravidade do alagamento em Iconha, com diversos carros sendo arrastados pela enxurrada.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, está visitando os municípios neste sábado (18), para acompanhar o trabalho da Defesa Civil e dos Bombeiros.

Ele afirmou que o estado dará suporte a quem precisar de abrigo, água, alimento, materiais de higiene pessoal, colchões e medicamentos. Segundo o governador, muitas casas estão sem água, e, por isso, serão disponibilizados caminhões-pipa.
"Posteriormente, vamos ajudar a cidade a reconstruir as ruas que foram destruídas e as pessoas afetadas terão uma linha de financiamento pelo Banestes para que possam reconstruir suas casas e seus negócios", completou.

Nas redes sociais, Casagrande informou que outros municípios também foram atingidos pelas chuvas e estão sendo atendidos, como Vargem Alta, Rio Novo do Sul e Marechal Floriano.

Em entrevista ao jornal "A Gazeta", o prefeito de Iconha, João Paganini, afirmou que a cidade "acabou".

"Tenho 54 anos que moro aqui e nunca tinha visto um cenário triste desses. Vamos precisar da ajuda do governador e do presidente para reconstruir a cidade", disse.

Na noite de sexta, a prefeitura informou nas redes sociais que o rio que corta a cidade subiu cinco metros. A Defesa Civil municipal pediu que os moradores que residem em áreas de risco, como à margem do rio, buscassem lugares seguros.

Fonte: Folhapress

Imprimir