Cidadeverde.com
Política

"A vez é dos Progressistas", diz Firmino Filho sobre vaga de vice na chapa

Imprimir
  • d7eb8a7c-5b7b-4d9b-a440-c4a26c111413.jpg Yasmim Cunha
  • bbe78d58-983e-4056-827b-a3efa93edd66.jpg Yasmim Cunha
  • aa3cd581-9619-4423-9b0b-454ecd9358b6.jpg Yasmim Cunha
  • a459d413-83a9-49fc-9d42-610ae9fc0b41.jpg Yasmim Cunha
  • 993461b2-708b-4a84-855e-742ed9eacbae.jpg Yasmim Cunha
  • 24ffb7d4-8abb-449b-8994-a3ab3a3c3c6e.jpg Yasmim Cunha
  • 4e81a295-5e8d-4bdd-b50d-c9535f10c4b5.jpg Yasmim Cunha
  • 3a49977d-2767-4ff9-9aa0-cbd563cc795f.jpg Yasmim Cunha

O prefeito Firmino Filho (PSDB) sinalizou na manhã desta terça-feira (18) que a indicação da vaga de vice-prefeito na chapa do PSDB será indicada pelo partido do senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas. 

Firmino não anunciou ainda quem será o candidato a prefeito. Três nomes estão na disputa: Kleber Montezuma, secretário de Educação, Charles da Silveira, presidente da Fundação Municipal de Saúde e o ex-prefeito Sílvio Mendes. O anúncio será em março. 

Ao participar de solenidade no Tribunal de Justiça do Piauí, Firmino falou sobre a polêmica envolvendo a escolha do vice do candidato do PSDB. Firmino diz que a vez é do Progressitas.

O Solidariedade deseja a vaga. Mas para isso, Firmino diz que o deputado Evaldo Gomes deve chegar a um acordo com Ciro Nogueira.

"A carta está com os Progressistas. A vez é dos progressistas. Vai passar por uma conversa com os progressistas. Passa por uma conversa com eles porque tem a preferência", disse. 

Firmino diz esperar que o apoio do Solidariedade não seja condicionado a vice. 

"Conversamos com as lideranças do Solidariedade. Eles colocaram esse desejo, mas não tem nada fechado. É natural que eles continuarem na nossa base", destacou.

 

Flash Lídia Brito
[email protected]

Imprimir