Cidadeverde.com
Geral

Professores em greve ocupam prédio da Câmara e rejeitam proposta de Firmino Filho

Imprimir
  • 20200310095444_IMG_8670.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310095517_IMG_8675.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310095529_IMG_8678.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310095558_IMG_8682.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310095727_IMG_8691.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310095956_IMG_8706.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100013_IMG_8709.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100027_IMG_8711.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100207_IMG_8723.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100245_IMG_8727.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100346_IMG_8731.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100352_IMG_8732.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100357_IMG_8734.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100408_IMG_8737.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100437_IMG_8738.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100528_IMG_8748.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100803_IMG_8754.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100821_IMG_8755.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310100852_IMG_8757.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310094122_IMG_8635.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310094922_IMG_8652.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310101035_IMG_8761.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310101053_IMG_8763.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310101148_IMG_8769.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310101206_IMG_8774.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310101217_IMG_8776.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20200310101710_IMG_8780.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com

Atualizada às 12h

Os professores da rede municipal de Teresina ocuparam o prédio da Câmara de Vereadores nesta terça-feira(10). A categoria é contra a proposta do prefeito Firmino Filho de parcelar o reajuste salarial dos professores em duas vezes.

A Comissão de Legislação e a Comissão de Justiça aprovaram a proposta de reajuste. Agora caberá à Mesa Diretora da Casa colocar para votação no plenário.

De acordo com a proposta, o reajuste de 12,84% seria pago em duas parcelas de 6,41%. A primeira parcela seria paga neste mês de março, de forma retroativa à janeiro, e a segunda apenas em agosto sem o retroativo. A categoria afirma que alguns professores teriam perda de quase R$ 3 mil.

"Acredito que depois de amanhã deve entrar em primeira votação. Ele quer parcelar em duas vezes. A categoria não quer o parcelamento. Acredito que o acordo seja possivel", disse o presidente da Câmara Jeová Alencar.

Jeová diz que o parcelamento pode ser devido dificuldades financeiras.

"Esse ano é de eleição. Talvez por problemas financeiros ele não executa o reajuste. Não existe isso de sessão extra. Tem que se discutir com a classe", afirma.

O presidente do Sindicato dos Servidores Municipais, Sinésio Soares, afirma que a categoria quer o reajuste integral.

"Desde janeiro queremos negociar e não nos atenderam. Iniciamos a greve e ele mandou o projeto. Ele quer pagar em agosto quando a legislação proíbe. Corre o risco de algum adversário tentar anular. Eles vão pagar parcelado sem o retroativo", afirma Sinésio Soares.

A oposição é contra o parcelamento. " Um desrespeito aos profissionais da educação. Pedimos a retirada da pauta", destacou.

Manifestantes invadem solenidade da Semec

Foto: Enviada por whatsapp

Os professores grevistas invadiram a solenidade de premiação de Valorização ao Mérito da Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação (Semec) que acontecia na manhã desta terça(10) no auditório do Tribunal de Justiça do Piauí. 

Os grevistas chegaram com cartazes no encerramento da solenidade e ocuparam o palco do local. 

De acordo com a assessoria da Semec, o evento já estava no final e a parte que teria sido interrompido com a chegada dos professores era o anúncio das 157 escolas ganhadoras dos prêmios, que são direcionados aos diretores, pedagogos e professores de cada unidade de acordo com o percentual de desempenho de cada escola. 

 

 

Flash de Lídia Brito
[email protected]

Imprimir