Cidadeverde.com
Geral

Novo decreto abre cinemas, casas de espetáculos e amplia horário de lojas para às 22h

Imprimir

O prefeito Firmino Filho (PSDB) assinou decreto que amplia o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais de Teresina e autoriza a abertura do setor de entretenimento e eventos na capital.  Casas de espetáculos, cinemas e boates, por exemplo, já podem funcionar a partir desta quinta-feira (10), desde que sigam os protocolos sanitários específicos. 

O Decreto Nº 20078 estabelece que as lojas localizadas no shoppings da capital e na zona Leste podem funcionar das 10h às 22h.

Veja aqui o decreto e os protocolos

A prefeitura também permite que as empresas e estabelecimentos do comércio varejista  no Centro e no shopping da cidade funcionem das 9h às 18h.  O decreto autorizou, ainda, a abertura de postos revendedoras de combustíveis turnos ininterruptos de 24 horas.

Quanto aos estabelecimentos comerciais de serviço de restaurantes , lanchonetes, café , bares e similares,  o funcionamento permitido continua de 8 horas por dia e sem ultrapassar meia-noite. 

Setor de eventos

Cinemas, teatros, circos, casas de espetáculos, espaços de eventos e auditórios  devem seguir protocolo sanitário para funcionar.

No interior do cinema, teatro, circo ou casas de espetáculos, por exemplo, é que a recomendação é que não se permita a formação de filas para adentrar as salas. A venda de ingressos deve ser, preferencialmente, pela internet. Os clientes deverão permanecer de máscaras durante todo evento. 

Foto:Yala Sena

Os assentos  das salas de cinema e teatro devem ter ocupação máxima de até 40% e as cadeiras restantes isoladas. Os óculos 3D devem ser higienizados por trabalhadores devidamente paramentados. 

Além de seguir as recomendações gerais como o uso de máscara, por exemplo, as empresas deverão adotar algumas medidas tais como: controlar acesso às instalações desde a entrada com sinalização no chão para indicar percurso de circulação e posicionamento dos trabalhadores; os locais de apresentação deverão ter acesso exclusivo para artistas reduzindo contato com público e evitando aglomerações. 

As empresas também devem disponibilizar tapetes sanitizantes na entrada ou em locais de grande circulação de pessoas e/ou mercadorias. A compra de ingressos deverá ser feita preferencialmente pela internet e os pagamentos deverão também priorizar métodos eletrônicos. Não será permitido o consumo de alimentos no interior de cinemas e teatros. 

O Teresina Shopping informou que a partir de sábado (12) as lojas já funcionarão até 22h. Quanto aos cinemas, o shopping diz que, apesar da autorização da prefeitura, ainda não tem previsão para reabrir.  Os shoppings Riverside e Rio Poty ainda não informaram como irão funcionar. 

De acordo com o prefeito Firmino Filho, a liberação acontece após a estabilização no número de casos e óbitos da doença na capital, e após a liberação por parte do Governo do Estado. “Estamos observando o cenário e fazendo uma retomada segura e  responsável. É extremamente importante que as empresas sigam as orientações, sempre pautadas no bem-estar e na saúde dos clientes e trabalhadores”, ressaltou o prefeito Firmino Filho.

Lockdown domingo

As restrições de funcionamento das atividades em Teresina, com medidas mais rígidas, continuam neste domingo, 13 de setembro. O Decreto 20.077  autoriza o funcinamento apenas de farmácias e drogarias; serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta, gás de cozinha e água; órgãos e profissionais de comunicação; serviços e rituais religiosos; e situações comprovadas de urgência e emergência.

“Continuamos apresentando queda no número de óbitos pela Covid-19 na nossa cidade, bem como no número dos atendimentos de pessoas com sintomas gripais. Na última semana não aplicamos medidas restritivas aos sábados, apenas no domingo, e nosso Comitê Emergencial está avaliando o impacto dessa medida. Neste domingo, mais uma vez estaremos com restrições no funcionamento das atividades”, disse o prefeito Firmino Filho.

 


Izabella Pimentel
[email protected] 

Imprimir