Cidadeverde.com
Destaques da TV/Rádio

Pacientes devem ficar atentos a sequelas pós-Covid-19

Imprimir

Não apenas a infecção causada pelo novo coronavírus, mas as sequelas deixadas pela doença necessitam de atenção de pacientes curados. Entre os sintomas mais comuns após a doença estão o comprometimento respiratório, fibrose pulmonar, depressão, síndrome de estresse pós-traumático, incapacidade de caminhar, enfraquecimento músculo-esquelético, alteração da memória, dores, entre outros. 

O infectologista Carlos Gilvan Nunes de Carvalho cita ainda a persistência de sintomas como fraqueza, limitação da atividade física, além da falta de cheiro e  gosto, mesmo após a cura. 

"A gente vê alterações de exames laboratoriais que acabam apontando para uma pista de comprometimento do coração. A questão do próprio AVC, porque a gente sabe que a doença leva à formação de trombos e coágulos. Isso também é comum esssas doenças cardiovasculares dentro do grupo de pessoas que apresentam sequelas", acrescenta o médico. 

Ele conta que tem se observado sequelas, principalmente, em pacientes infectados de forma mais grave pela Covid-19.

"Algumas sintomas persistem até meses após a infecção, mas a sequela a gente só vai poder observar com o tempo", ressalta o infectologista.

Graciane Sousa
[email protected]

Imprimir