Cidadeverde.com
Política

Lucineide Barros diz que é preciso reordenar as prioridades da Prefeitura

Imprimir

A candidata do PSOL à prefeita de Teresina, Lucineide Barros, afirma que é preciso reordenar as prioridades da Prefeitura no orçamento aprovado para 2021. Segundo ela, setores como juventude e mulheres receberam o menor orçamento. 

Lucineide afirma que a prioridade deve ser as ações em áreas que mudam a vida das pessoas. Principalmente, das regiões mais carentes da capital. 

"Apostamos na comunicação popular. No corpo a corpo. No diálogo direto. Temos a juventude por meio das redes sociais. Isso vem das vozes de quem historicamente não consegue viver bem em Teresina. Há uma reserva de contigência no orçamento que quero reordenar às prioridades. Essa é uma das primeiras prioridades: reordenar para inverter e colocar mais dinheiro onde se precisa. Deve ter mais dinheiro nas atividades-fim que mudam a vida das pessoas. Inversão é isso. É botar mais dinheiro na vida concreta das pessoas", destaca.  

Lucineide afirma que o caso dos jovens negros é ainda mais preocupante. 

"As juventudes estão excluídas. Os pobres, negros estão nas periferias e sem perspectivas. Estão excluídas do esporte e do lazer.  As juventudes precisam de protagonismo de fazer sua politica", afirma.  

Na camapnha, o partido recorre ao financiamento por meio de uma vaquinha virtual. Ela afirma que a vaquinha também ajuda a mobilizar a militância.

"A vaquinha leva também à mobilização e o compromisso do partido e das pessoas que estão construindo a campanha no sentido de corresponsabilidade por esse conjunto. Mas também há uma mensagem em relação a ter um financiamento que de fato seja feito pelas pessoas que vão assumir o mandato. Estamos dizendo que quem paga a banda escolhe a música. Estamos dizendo que os grandes empresários não fazem doações de campanha, mas investimentos em mandatos. Nosso investimento virá da maior  parte da população que não pode cooperar com muito. Mas doa R$ 10 e R$ 20. A partir dessa colaboração entendemos um mutirão para fazer o bem viver em Teresina", afirma.

 

Flash de Lídia Brito
[email protected]

Imprimir