Cidadeverde.com
Entretenimento

Teresina terá oficina de interpretação teatral de poesias; veja como participar

Imprimir

Foto: Arquivo Pessoal/Divulgação/Zé Reis


Viver poeticamente é uma oficina de interpretação teatral de poesias piauienses, com especial homenagem à escritora Graça Vilhena. As aulas serão conduzidas de forma plural por Zé Reis junto a artistas de várias partes da Amética Latina, que apresentarão modos contemporâneos de se criar e de se performar a poesia.

O público alvo são todas as pessoas, artistas ou não, interessadas em interpretação teatral de poesias.

  • Para participar, basta mandar um e-mail até o dia 2/nov para [email protected] e contar um pouco sobre você. Pode ser uma linha, um parágrafo, uma poesia.
  • Não há pré-requisitos. São 20 vagas disponíveis.
  • As aulas iniciam dia 3/nov e vai até o dia 28/nov.
  • Dias e horários: Terças e Quintas de 18h as 20h / Sábados de 10h as 12h
     

Perfil 

Zé Reis dedica-se a criar obras de teatro e de dança. É professor e possui larga experiência com artistas e não artistas. Nasceu em Teresina/PI, onde vive e trabalha. Graduou-se em Artes Cênicas pela UnB. Coordenou projetos artísticos no Embrapa/DF, no Instituto Dom Barreto/PI e em diversas instituições públicas e privadas. Na Argentina, participou do projeto Campos Resonantes, Fez parte da Formación de Artistas Contemporáneos para la Escena e residiu na Compañía Nacional de Danza Contemporánea de Buenos Aires. No Chile, atuou na obra Aprender un Cuerpo, sob a direção de Silvio Lang. Criou os espetáculos FRANGO, O corpo poderia se chamar aqui, Fracasso Coreográfico e Trago olhos cansados e ossos cheios de esperança.


Da Redação
[email protected] 

Imprimir