Cidadeverde.com
Geral

Acusado no assassinato de cabo do Bope é executado na zona Norte de Teresina

Imprimir

Foto: arquivo pessoal

Cabo Claudemir Sousa que morreu aos 33 anos

Um dos reús no assassinato do cabo do Bope, Claudemir de Paula Sousa, foi executado na manhã desta sexta-feira (11). Flávio Willame da Silva, 32 anos, foi morto enquanto andava de bicicleta no bairro Matinha, na zona Norte de Teresina. 

A identificação do morto foi confirmada pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que investiga o caso. Flávio foi alvejado com tiros no rosto e na região do tórax totalizando cerca de oito perfurações. 

A esposa de Flávio, que não teve o nome divulgado- contou que ele recebia ameaças com frequência e que "estava tentando retomar a vida". Em 2018, ele sofreu tentativa de homicídio e declarou na época que o atentado foi motivado por rixa entre gangues na zona Sul de Teresina. 

MORTE PM

Pela morte do PM, caso que ocorreu em 2016, Flávio Willame nunca chegou a ser julgado, assim como nenhum dos oito réus. Desse total, três morreram antes do julgamento: Wesley Marlon, Igor Andrade Sousa e agora Flávio Willame. Os demais aguardam julgamento em liberdade. 

Foto: Polícia Civil do Piauí

 

 

Esquema mostra a participação de cada um dos acusados na morte do PM em Teresina

 

 

No processo, ele foi apontado como o autor dos tiros que mataram o policial militar. 

 

 

 

Graciane Sousa
[email protected]

Imprimir