Cidadeverde.com
Últimas

Simpósio de Krav Maga prepara cidadão contra assédio e furtos em transportes

Imprimir

Foto: Divulgação

É cada vez mais alarmante o número de assaltos e furtos que ocorrem em transportes coletivos ou em abordagens a veículos particulares. E o Krav Maga – técnica de defesa pessoal utilizada pelas Forças Nacionais de Israel - pode ajudar o cidadão comum a evitar – ou se resguardar - esse time de crime.

Com o intuito de tratar do tema, e fornecer dicas de como se proteger dessas infrações, Teresina sediará, no dia 16 de janeiro, das 8h às 12h, na academia Profit Ininga, o Simpósio de Krav Maga – Técnicas de Defesa a Abordagens em Transportes Públicos e Automóveis.

“Os números das secretarias de seguranças dos Estados, sobre crimes de assédio e furto em transportes públicos e veículos privados, principalmente vitimando mulheres, são gritantes. Nós vamos trazer dicas importantes para evitar esses sinistros, ou, em não se podendo evitar, para salvaguardar as vidas das vítimas”, esclarece o professor Andrade Neto, faixa preta 6° Dan Mestre em Karatê, 2° Dan de Aikido e 3° Dan de Krav Maga.

O Krav Maga trabalha com técnicas eficientes, usando o próprio corpo como uma arma. E isso pode fazer a diferença diante de uma agressão dentro de um ônibus, metrô ou mesmo num carro de passeio. “O nosso objetivo é instrumentalizar o cidadão comum com soluções simples, rápidas, objetivas, possíveis e seguras a uma injusta e imediata agressão”, reitera Andrade.

O professor esclarece que, para praticar o Krav Maga, não precisa ter um bom condicionamento físico, praticar esportes ou ter corpo atlético. As técnicas foram organizadas para contemplar pessoas comuns, mulheres, crianças, idosos que, em tese, levariam desvantagens em um confronto. “A gente demonstra, no Simpósio, que essa situação de aparente desvantagem pode surpreender o agressor, se utilizada uma reação eficiente e segura”, argumenta Andrade.

As inscrições para o evento podem ser feitas pelo link: http://bit.ly/SeminarioDeKravMaga

Da Redação
[email protected]

Imprimir