Cidadeverde.com
Geral

Direção do shopping nega que prédio do Sanatório Meduna será demolido

Imprimir

Foto: Roberta Aline


A direção do shopping Rio Poty, do grupo Sá Cavalcante, divulgou nota nesta terça-feira (2) garantindo que o prédio do Sanatório Meduna, não será demolido.

Entidades ligadas a defesa do patrimônio de Teresina se mobilizaram em protesto contra a possibilidade de destruição do prédio. A direção do Shopping informou que o local será transformado em escritório do grupo para setor empresarial. 

Veja o que diz a nota: 

“Diante dos questionamentos infundados acerca do Meduna, a Sá Cavalcante vem esclarecer:  
Com a retomada a posse do imóvel Meduna no dia 23 de dezembro de 2020, cedido para Prefeitura de Teresina desde 2016, A Companhia tem como projeto para o local a reimplantação do escritório para apoiar os novos empreendimentos Residenciais que serão lançados em 2021”.


O Sanatório Meduna foi fundado em 1954 pelo médico Clidenor de Freitas, um dos pioneiros da psiquiatria no Piauí. É um prédio com arquitetura histórica e de referência no estado.

A Prefeitura estava administrando o local, mas no final do ano devolveu para a gerência do Shopping. A capela foi cedida para a Arquidiocese de Teresina.

Quando o terreno foi vendido, o grupo prometeu criar um centro cultural e manter a parte arquitetônica. A UFPI já se mostrou interessada para criar um centro cultural, mas o projeto não andou.


Flash Yala Sena
[email protected]

 

Imprimir