Cidadeverde.com
Viver Bem

Homens também precisam cuidar do cabelo e da pele

Imprimir

Boa parte das mulheres sabe a importância de cuidar da saúde do cabelo e da pele. Entre os homens, porém, essa preocupação é deixada de lado. Muito mais do que um fator estético, alguns cuidados ajudam também na prevenção contra doença.

Pra começar, é indispensável lavar todos os dias a pele com um sabonete recomendado pelo dermatologista. Hidratante e filtro solar também são necessários. Além de proteger contra o envelhecimento precoce, previne contra o câncer de pele

O dermatologista é um grande aliado na hora de identificar os melhores produtos e procedimentos. Por isso, o profissional deve ser sempre consultado. Entretanto, aqui estão algumas dicas. 

Xampu/condicionador: o couro cabeludo precisa de mais do que sabonete para ficar limpo. O xampu é uma espécie de detergente que mata os fungos e o condicionador é um poderoso hidratante.

Bloqueador solar: a pele do homem é tão frágil quanto a da mulher. Por isso, passar bloqueador solar todos os dias não é frescura, é necessidade. Só ele protege a pele de manchas, rugas e doenças como câncer de pele. Na praia, reaplique a cada duas horas.

Creme hidratante: quem tem a pele seca ou sensível precisa usar este produto para não ficar com feridas, coceiras e áreas esbranquiçadas nos braços e pernas.

Esfoliação: a esfoliação é uma limpeza mais profunda da pele, que deve ser feita uma vez por semana. Quer se livrar de manchas escuras no rosto? Compre um esfoliante específico para homens e siga instruções da embalagem.

Limpeza de pele: remove os cravos e hidrata a pele. Para homens, é indicada a cada dois ou três meses.

Peeling: nada mais é do que uma descamação da pele. É indicado para quem deseja tirar manchas ou rugas superficiais, hidratar a pele e tratar espinhas.

Loção secativa: faz com que a espinha desapareça mais rápido e não deixe marcas na pele. Entretanto, é recomendado contar com a indicação médica antes de utilizar este produto.

Loção adstringente: remove a oleosidade da pele. Também só deve ser aplicada com a indicação do médico. Quando usada de forma errada, faz com que a pele produza oleosidade em dobro.

 

Estadão Conteúdo

Imprimir