Cidadeverde.com
Geral

Entidade mantém projetos na pandemia e alcança bom resultados no ENEM

Imprimir

A Associação Palotina para Educação e Cultura (APEC), localizada na região da Santa Maria da Codipi, desenvolve há 14 anos projetos sociais a fim de contribuir para a prevenção às drogas e é credenciada a Coordenadoria de Enfrentamento às Drogas do Piauí. No último ENEM que teve resultado divulgado na segunda-feira (29), 4 jovens assistidos pela entidade conseguiram obter bons resultados na redação.

Um desses resultados foi da estudante Ashley Kelly de 20 anos com média de 940 pontos.

"A minha preparação foi por meio de um curso online. Também tive a ajuda da Associação Palotina que ajudou com um suporte maior em suas oficinas, entre elas a de produção de texto e leitura", contou a estudante.

Depois ter tido acesso as suas médias no Exame Nacional do Ensino Médio, agora os preparativos para Ashley Kelly é para fazer a inscrição no SISU (Sistema de Seleção Unificado), que oferece, por meio do MEC (Ministério da Educação), vagas em universidades públicas do Brasil. As inscrições acontecem entre os próximos dias 06 a 09.  Ela inclusive já decidiu que pretende cursar Ciências Biologicas.

"A minha expectativa para o SISU é muito grande, já que caprichei nos estudos da redação e consegui uma boa nota. O curso que quero é Ciências Biológicas ou Gestão de RH que é a área que atualmente trabalho, porém vou ver também a possibilidade de horários".

Além de Kelly, também conseguiram bons resultados os estudantes Carlos Daniel, Maria Rafaela e Victor Léo, conseguindo cada um 840, 780 e 640 pontos, respectivamente.

Teresinha de Jesus Ferreira, coordenadora pedagógica da Associação Palotina informa que mesmo diante da pandemia as atividades não pararam. 

"Nossas oficinas são realizadas de forma remota. Utilizamos ferramentas digitais. Oferecemos oficinas de leitura e produção de texto. Cada colaborador é responsável por uma quantidade de jovens para manter um diálogo e orientar da melhor forma possível", explicou a coordenadora. 

A entidade também entrega periodicamente o material didático e lanche para os assistidos em suas residências. 

A coordenadora geral da CENDROGAS, Cida Santiago falou da alegria para a Coordenadoria em receber mais uma notícia de conquista das entidades parceiras. 

"É mais um motivo para continuarmos apostando na prevenção às drogas. Esperamos que as nossas ações possam continuar revelando jovens na periferia de Teresina e no Interior", finalizou a coordenadora geral.

Da Redação
[email protected]

Imprimir