Cidadeverde.com
Política

"Somos devedores e gratos a ele", diz Silvio Mendes sobre Firmino Filho

Imprimir

Ao falar da partida inesperada do Firmino Filho, o ex-prefeito de Teresina, Silvio Mendes, amigo pessoal, disse que a terça (06) foi “dia de silêncio e dramático” na cidade. Silvio defende que o Firmino foi o melhor gestor de Teresina. “Ele foi o que mais fez por Teresina. Nós somos devedores e gratos a ele”. 

Firmino Filho foi encontrado morto na zona leste de Teresina. “Eu e os mais próximos de Firmino o tínhamos como uma fortaleza, um homem corajoso, um grande gestor público que se dedicou tão bem a essa cidade durante 16 anos. Esse ato. Ainda parece não ser verdade. Pelo que a gente conhecia ou achava que conhecia do Firmino. Eu achava que conhecia a alma do Firmino, mas esse ato me diz que estava errado. Fica a lembrança de um grande homem que nós tivemos o privilégio de conviver”. 

Recentemente, a mãe de Silvio Mendes faleceu. “Estou comparando com a perda da minha mãe semana passada, mas minha mãe Deus teve compaixão nos seus 95 anos, mais de 20 anos em uma cama. Eu dizia, quando perdi minha mãe, que a morte precisa ser compreendida nos seus mistérios, que nos põe a saudade e a gratidão pela vida vivida”. 

Silvio Mendes afirma que Firmino era um homem inteligente, brilhante, tinha muitas virtudes e alguns defeitos, “pois todos nós temos”. O amigo destaca principalmente o dom que Firmino tinha de escutar o próximo.

“Ele tinha uma virtude impressionante que eu perguntava como ele tinha a paciência porque ele sabia escutar. Eu não tenho essa virtude, nunca tivesse virtude de escutar indefinidamente quem conversa comigo. Eu gosto mais de coisas objetivas. Ele era um homem que falava menos e escutava mais. Isso pra mim resume quem foi Firmino”. 

Foto: Divulgação


Carlienne Carpaso
[email protected]

Imprimir