Cidadeverde.com
Entretenimento

Tatá Werneck diz que dará tempo no Twitter após críticas sobre máscaras

Imprimir

Foto: reprodução Instagram

A humorista Tatá Werneck, 37, disse dará um tempo no Twitter após ser ridicularizada sobre a roupa e a proteção que utilizou para ir ao velório do ator Paulo Gustavo, que morreu na terça-feira (4) aos 42 anos. A apresentadora esteve presente ao lado de seu marido, o ator Rafael Vitti, 25.

"Gente vou dar um tempo do Twitter. Adoro ficar aqui conversando com vocês. Tem pessoas muito lindas e carinhosas aqui! Mas ver gente ridicularizando minha proteção, meu medo depois de perder um amigo e sobre a roupa que usei é difícil demais. Magoa muito quem já está magoado", escreveu a atriz no Twitter.

Tatá Werneck foi à cerimônia com duas máscaras, um escudo de proteção facial (faceshield) e uma roupa que disse ser fácil de tirar. Tudo com o objetivo de proteger a si mesma e a outras pessoas, segundo escreveu na rede social.

Sua postura foi ridicularizada por diversos internautas que diziam ser zelo em demasia. Em uma postagem, humorista se manifestou e rebateu as críticas. "Gente! Jura?? Querida! Enfia sua roupa composta no seu c*! Eu não estou conseguindo dormir, comer, roupa composta é teu rabo! Vai se arrumar para ir para as ruas festas clandestinas e me deixa em paz", escreveu em resposta a uma internauta, que apagou a postagem em seguida.

A atriz era muito próxima a Paulo Gustavo. Enquanto o ator esteve internado, ela se manifestava frequentemente pedindo orações pela sua melhora.

O corpo do ator foi cremado em cerimônia restrita na tarde desta quinta-feira (6), no Cemitério e Crematório Alto da Colina, em Niterói, no Rio de Janeiro. Tatá Werneck foi uma das primeiras celebridades a chegar ao local, mas permaneceu por pouco tempo.

Também estiveram presentes no velório Preta Gil, 46, e seu marido, Rodrigo Godoy, 32, as atrizes Ingrid Guimarães, 48, Heloísa Périssé, 54, e Mônica Martelli, 52, a modelo Carol Trentini, 33, o comediante Marcus Majella, 41, o Padre Omar, além da mãe do ator, Déa Lúcia, e sua irmã, Ju Amaral.

Fonte: Folhapress

Imprimir