Cidadeverde.com
Esporte

Palmeiras pode garantir liderança na Libertadores e priorizar o Paulista

Imprimir

Classificado às oitavas de final da Copa Libertadores com duas rodadas de antecedência, o Palmeiras garantirá a liderança do Grupo A se o Defensa y Justicia (ARG) não vencer o Univesitario (PER) nesta quarta-feira (12), em Lima.

Os 100% de aproveitamento pelo torneio continental podem dar tranquilidade para o Palmeiras e fazer o técnico Abel Ferreira, quem diria, transformar em prioridade o Campeonato Paulista, até então em segundo plano do clube nesta maratona de jogos.

O Palmeiras enfrentará o Red Bull Bragantino na noite desta sexta-feira (14), em Bragança Paulista, pelas quartas de final do Estadual. Caso avance no duelo único, disputará a semifinal já no domingo (16), dois dias antes de receber o Defensa y Justicia, pela quinta rodada da Libertadores.

A tendência é de que os titulares sejam preservados do duelo com o Red Bull Bragantino, já que encararam uma partida desgastante na altitude de Quito, no Equador, a 2.850 metros acima do mar. O técnico Abel terá até esta quinta (13) para preparar a equipe.

Abel cansou de dizer que o Paulista seria um laboratório, ao mesmo tempo em que chegou até a atacar a FPF (Federação Paulista de Futebol) por conta do calendário apertado.

No entanto, com a boa situação na Libertadores e, considerando que o Paulista está a quatro jogos de um possível título, o Estadual pode mudar de status na Academia.

Além disso, o Palmeiras não terá grande desgaste com viagem. Se passar no duelo em Bragança Paulista, vai encarar no máximo um deslocamento até Araraquara para enfrentar a Ferroviária.

Os outros possíveis adversários na eventual semifinal são São Paulo e Corinthians, enquanto, pela Libertadores, os próximos dois jogos serão em casa.

O Palmeiras iniciou sua campanha pelo Paulista em meio à disputa da final da Copa do Brasil. Depois, ainda lutou pelos títulos da Recopa Sul-Americana e da Supercopa. Então veio a Libertadores. 

Por isso, Abel Ferreira passou a utilizar reservas no Estadual, e o time alviverde só se classificou às quartas de final na última rodada da fase de grupos, muito graças à derrapada do Novorizontino, que somou dois pontos nos quatro jogos finais.

Na semana passada, antes de conseguir classificação, Abel ameaçou escalar até o sub-17 no clássico contra o Santos, na penúltima rodada da fase de grupos. "Temos 24 horas para preparar cada jogo. Já falamos o que significa o Paulista. 

Muita gente fala da nossa organização, mas não organizamos a pandemia, não temos culpa de fazer dois jogos a cada três dias. Temos que priorizar as competições. No Paulista vamos fazer o que for possível", disse na ocasião.

GUILHERME AMARO
SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS)

Imprimir