Cidadeverde.com
Geral

Família é expulsa de casa por facção criminosa na zona sul de Teresina

Imprimir

 

Uma família foi expulsa de casa na madrugada desta quinta-feira (13) em uma vila da região do grande Promorar, zona sul de Teresina. De acordo com a Polícia Militar, pelo menos 15 homens, membros de uma facção criminosa, chegaram ao local por volta das 2h e expulsaram um casal e a filha de 12 anos. 

Os criminosos também levaram pertences da família e destruíram objetos. A Polícia ainda não sabe o que motivou a ação.

"Nós fomos acionados as 2h50 da manhã de hoje. Uma senhora chegou com a filha de 12 anos disse que 15 elementos da facção PCC invadiram sua residência, quebraram tudo e expulsaram eles de casa. Fomos até a residência. Chegando lá, foi constatado que eles roubaram algumas coisas e quebraram a casa toda. Disseram que se ela retornar ao local ou chamar a polícia vai ser morta, com o marido e a filha", contou o sargento Luís, da Companhia Independente de Policiamento do Promorar.

Após buscar atendimento na Polícia Militar, a família recebeu um abrigo temporário e deve ser encaminhada na manhã desta quinta-feira a outros órgãos competentes do município. 

Ainda de acordo com o sargento Luís, a Polícia Militar trabalha para localizar os suspeitos de terem participado da ação durante a madrugada. 

Cenário de guerra

Policiais que atuam na região do Promorar relatam que os moradores vivenciam um 'cenário de guerra' nos últimos dias, com a atuação de facções criminosas. "Nesses últimos dias, a área do Promorar está um inferno. Alguns tiroteios, muitos homicídios. Está um terror", destacou o sargento Luís.

"É preciso que a Polícia Civil, a inteligência, entre nessas áreas para prender esses elementos, e que a justiça julgue, condene eles e mantenha na cadeia. Isso não vai acabar enquanto não for cumprido a lei",desabafou o militar.

 

 

Natanael Souza
[email protected] 

Imprimir