Cidadeverde.com
Cidades

Cidades de Eliseu Martins e Cristino Castro trocam experiências em formação agrícola

Imprimir

Foto: ascom

As Escolas Família Agrícola de Eliseu Martins (EFAEM) e Vale do Gurgueia, localizada em Cristino Castro, realizaram na segunda-feira (11) um momento de formação e troca de experiências. Professores e equipe pedagógica das escolas participaram do momento realizado na sede da EFAEM.

O diretor da Escola Família Agrícola de Eliseu Martins, Osvando Barbosa, revela que o planejamento é para que aconteçam reuniões bimestrais como essa. A próxima esta marcada para junho, em Cristino Castro, que tem como diretor o professor Altamiran Ribeiro.

“É uma atividade de suma importância, um momento rico e proveitoso de formação e troca de conhecimentos. Realizamos a apresentação da parte produtiva da escola, hortaliças, grandes culturas, fruticultura, apicultura e a parte pedagógica”, destacou o diretor Osvando Barbosa.


As escolas adotam a Pedagogia da Alternância, que propõe uma educação envolvendo as famílias, as comunidades e as entidades, em um trabalho de promoção global do homem do campo. A partir das experiências dos educandos, a escola busca proporcionar aos jovens uma formação de qualidade que lhes permita descobrir a sua vocação e desenvolver o seu projeto profissional ou projeto de vida, junto com suas famílias e no meio em que vivem, abrindo as possibilidades de inserção profissional e empreendedorismo, com sucesso e dignidade, como agente de transformação no meio rural.

“A organização de uma EFA é bem mais complexa do que nas escolas tradicionais. Um dos diferenciais que destacamos são as decisões que são tomadas comunitariamente em assembleias e reuniões do conselho da Associação. A eficácia da ação educativa da escola é assegurada no plano de formação desenvolvido com os monitores (formação inicial e continuada em Pedagogia da Alternância) e demais atores envolvidos no processo educativo, como famílias, dirigentes de associações, diretores, dentre outros”, acrescenta Osvando Barbosa.

 
Com informações - Ascom

Imprimir