Cidadeverde.com
Esporte

“Acordamos um gigante”, alerta técnico Tonet sobre jogo de volta contra o SPFC

Imprimir

Falar do técnico Fernando Tonet junto as conquistas do futebol piauiense se tornou algo comum no último ano. O treinador assumiu o 4 de Julho após a saída de Flavio Araújo por divergências com a diretoria e de cara teve a missão de comandar o time diante o São Paulo pela 3ª fase da Copa do Brasil. O primeiro jogo aconteceu na noite de ontem (1°) e o improvável se tornou real com os piauienses saindo de campo com uma vitória por 3 a 2. O jogo de volta será na próxima terça-feira (8), no Morumbi, em São Paulo e o 4 de Julho tem a vantagem de jogar por um empate.

Após os primeiros 90 minutos e a vantagem o técnico mantem os pés no chão e analisa o que desde já precisa ser corrigido para o jogo de volta. “Passar um pouquinho mais de tranquilidade no setor defensivo, mas isso é natural para uma equipe que busca o gol, que joga ofensivamente e que não pensa apenas em si defender. Então nos acabamos dando espaço para os adversários e para uma equipe tão qualificada como é a do São Paulo era natural que sofrêssemos alguns gols, mas sofremos dois e conseguimos fazer três e agora nós teremos na próxima semana um jogo dificílimo no Morumbi”, disse Tonet.

Fernando Tonet de 2020 para 2021 se tornou nome chave quando o assunto são conquistas ou resultados significativos do futebol Piauiense. Com o Altos, o técnico conquistou acesso até a Série C do Brasileiro, avanço para as quartas de final da Copa do Nordeste e deixou o time bem encaminhado na tabela do Estadual, a equipe foi campeã 2021 com Marcelo Vilar, mas com um bom ‘dedo’ de Tonet.

Foto: TV Cidade Verde

Recém-chegado no Colorado de Piripiri em menos de 20 dias anota essa vitória em um confronto de Davi x Golias e que assim como nas histórias bíblicas o inesperado aconteceu. Porém a partir de agora as atenções precisaram ser redobradas para esse São Paulo que deve vir com força total e jogando em casa os últimos 90 minutos pela vaga nas oitavas.

“São vários fatores e um deles o do time vir com uma equipe melhor ainda, não que esses não sejam bons jogadores, mas a equipe considerada titular tem um algo a mais. O fato de jogar no Morumbi e o principal detalhe é que nos acordamos um gigante e aí nos temos que tomar muito cuidado para que a gente consiga manter a vantagem que nos temos e sair de lá com essa classificação”, acrescentou o técnico do Colorado.

O Colorado se reapresentou na tarde desta quarta-feira (3). O time tem pela frente sua estreia no Brasileiro Série D quando enfrenta o Juventude Samas-MA, fora de casa. Depois disso, na terça-feira (8) fará o jogo de volta contra o São Paulo, no Morumbi.

 

 

Pâmella Maranhão
[email protected]

Imprimir