Cidadeverde.com
Esporte

São Paulo erra saída de bola e Santos de Fernando Diniz vence o clássico

Imprimir

Uma das maiores críticas ao trabalho de Fernando Diniz no São Paulo era a saída de bola e como a insistência em passes curtos no setor defensivo complicava o time.

Foto - Rubens Chiri / saopaulofc.net

O treinador está no Santos no Brasileiro de 2021. No clássico entre as duas equipes neste domingo (20), na Vila Belmiro, Liziero saiu mal próximo à própria área, deu a bola de presente para o adversário e Gabriel Pirani marcou.

Isso aconteceu aos 40 minutos do 1º tempo. Foi um dos lances que decidiram a partida, vencida pelo Santos por 2 a 0. Marinho havia aberto o placar aos 26.

O resultado aliviou a situação do time alvinegro, que chegou aos sete pontos depois de cinco rodadas. O São Paulo, com dois pontos, está na zona de rebaixamento, o que só não vai aumentar as cobranças sobre o técnico Hernán Crespo porque a equipe conquistou o título paulista desta temporada.

O argentino sofre com os desfalques. Além dos seis confirmados antes do clássico (alguns deles titulares, como Daniel Alves, Miranda (ambos lesionados) e Arboleda (com a seleção equatoriana na Copa América), também perdeu Luciano ainda antes do intervalo.

O atacante sofreu estiramento na coxa e teve de ser substituído.

O Santos estava bem mais organizado e teve o controle durante boa parte da partida, com os jogadores assimilando o estilo de Diniz de sair tocando desde o campo de defesa. Justamente o que fez os donos da casa anotarem o segundo gol no erro do rival.

Na etapa final, o São Paulo tentou reagir e Igor Vinicius descontou aos 9 minutos, mas o lance foi anulado por impedimento. Pouco depois, aos 16, Marinho acertou uma cobrança de falta no travessão.

O atacante, apagado em jogos anteriores, foi um dos melhores em campo no clássico ao lado do meia Camacho, que fez sua estreia como titular.

Nos acréscimos, o goleiro John teve de continuar em campo mesmo lesionado. Ele quase não conseguia andar, mas o Santos já havia feito as cinco substituições permitidas.

Na próxima quinta-feira (24), o Santos visita o Grêmio, pelo Brasileiro. Um dia antes, o São Paulo recebe o Cuiabá.

Fonte: Folhapress

Imprimir