Cidadeverde.com
Esporte

Guiné anuncia desistência da Olimpíada de Tóquio por causa da Covid-19

Imprimir

O ministro dos esportes da Guiné, Sanoussy Bantama Sow, anunciou nesta quarta-feira (21) que o país não enviará nenhum atleta para os Jogos Olímpicos de Tóquio. A nação africana tinha cinco classificados para o evento.

"Devido ao ressurgimento de variantes da Covid-19, o governo, preocupado em preservar a saúde dos atletas guineenses, decidiu com pesar pelo cancelamento da participação", escreveu Sow em uma carta ao presidente do Comitê Olímpico do país, obtida pela AFP.

De acordo com a agência, uma fonte afirmou que o verdadeiro motivo seria financeiro. "Sairia mais caro, é por isso que o ministério não pôde pagar", alegou, sem maiores detalhes.

A Guiné enviaria os seguintes atletas para Tóquio: Fatoumata Yarie Camara (luta olímpica), Mamadou Samba Bah (judô), Fatoumata Lamarana Touré e Mamadou Tahirou Bah (natação), além de Aïssata Deen Conté (atletismo). Em 11 participações nos Jogos, o país africano nunca conquistou uma medalha.

Além da Guiné, a Coreia do Norte já havia anunciado em abril que não participaria dos Jogos de Tóquio para proteger os seus atletas da pandemia do coronavírus. Já a delegação de Samoa decidiu só enviar aqueles que moram no exterior.

Fonte: Folhapress

Imprimir