Cidadeverde.com
Política

Vereador Luís André diz que fusão entre DEM e PSL ocorrerá sem conflitos

Imprimir

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O vereador Luís André, presidente estadual do PSL, aguarda decisão do partido sobre a fusão com o Democratas. Ele diz que no caso do Piauí, não haverá disputa pela direção da nova sigla que ainda não tem nome.

O Democratas é presidido por Ronney Lustosa no estado. Para Luís André, a decisão sobre a nova direção será tomada de forma pacífica. 

“O que soube pela mídia em conversação com a direção nacional é que dia 21 vai ser uma data quase definitiva para que se concretize essa fusão. Alguns estados não possuem entendimento. Mas graças a Deus aqui tanto o PSL quando o DEM, no meu caso e do Ronney, temos uma amizade e  vamos esperar os acontecimentos. O que importa é que o partido vai nascer grande”, destacou.

Com a fusão, o novo partido deverá ser uma dos maiores do Congresso Nacional. Além de ter um amplo tempo de televisão e de recursos do fundo eleitoral. 

“É um partido de terceira via. O maior partido do centro-direita desde 1990. Uma bancada de 81 deputados federais e 10 senadores. Mas vamos esperar os fatos. Isso é bom que concretiza a eleição de uma deputado federal. As pessoas que querem ser candidatos no partido que tem o mairo tempo de tv e um robusto fundo eleitoral. Esse é o partido. O nome ainda não está definido”, disse.

Lídia Brito
[email protected]

 

Imprimir