Cidadeverde.com
Política

Jeová Alencar diz que regra eleitoral é um “distritão maquiado”

Imprimir

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O presidente da Câmara de Teresina, vereador Jeová Alencar (MDB), pré-candidato a deputado federal, afirma que o Congresso preparou um distritão maquiado para a eleição de 2022. Segundo ele, mesmo sem as coligações proporcionais, o fato do número de vagas na chapa proporcional se limitar ao número de cadeiras, cria um “distritão maquiado”. 

Para Jeová, o lado positivo é que os partidos precisa de fato trabalhar para formar as chapas.  “Já tivemos esse impacto na eleição de 2020. Na eleição municipal não tivemos coligação. Isso busca fortalecer os partidos. Mas com essas novas regras que poderão entrar, o número de vagas deverá ser o número de cadeiras. Teria que ter 20% do quociente eleitoral. Isso é um distritão maquiado. O bom de tudo isso é que porque é preciso de fato formar partidos e trabalhar a formação de bases fortes. É por isso que os partidos estão buscando nomes fortes para filiar”, disse.

O presidente da Câmara avalia que a limitação do número de vagas ao número de cadeiras em disputa cria algumas distorções no sistema. 

“Olhamos a busca por deputado federal. Um partido que só possa ter 10 candidatos vai ter que ser bem competitivos esses candidatos. Então dificilmente alguém de alguma classe inferior possa chegar a deputado federal dessa forma.  Sem coligações e o menor número de candidatos concorrendo o partidos vão buscar quem se encontra em evidência, quem se encontra no poder ou na mídia”, destaca.

Lídia Brito
[email protected]

 

Imprimir