Cidadeverde.com
Política

Marcelo Castro avalia como “difícil” chance do MDB se federar com outro partido

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com 

O presidente estadual do MDB, senador Marcelo Castro, avaliou nesta sexta-feira (30) como “difícil” a possibilidade de que o partido se federe com outras siglas. 

O empecilho, segundo o senador, está relacionado ao fato de que uma vez decidida, a união a fim de atuarem como uma só legenda nas eleições e na legislatura, valerá para todos os estados.

“Eu acho dificílimo o MDB se federar com outro partido. A federação como foi aprovada é a nível nacional. Ela vai valer de maneira engessada em todos os estados do Brasil. Então, imagine um país da dimensão como o nosso e em um estado se coliga com A e outro com B, às vezes de ideologias diferentes”, avaliou.
 
As siglas terão a realização das convenções partidárias como prazo para formalizar a federação. Pela proposta, os partidos que decidirem federalizar deverão permanecer no grupo por no mínimo por quatro meses.
 
Serão aplicadas para a federação todas as regras já válidas para os partidos nas eleições, como registro de candidatos, o usa de recursos eleitorais, propaganda eleitoral, prestação de contas e convocação de suplentes.  

 
Flash Paula Sampaio
[email protected]

Imprimir