Cidadeverde.com
Geral

Aulas presenciais retornam dia 18 e Sinte diz que escolas não têm condições sanitárias

Imprimir

Foto: divulgação/Seduc

Os alunos da 3ª série do Ensino Médio da rede estadual do Piauí retornam às aulas presenciais a partir do dia 18 de outubro. O retorno foi confirmado pela Secretaria de Estado da Educação do Piauí (SEDUC-PI), na quarta-feira (13/10), e será para todas as modalidade e etapas de ensino. Até então, a presença era opcional às famílias. 

Neste primeiro momento está sendo priorizado o retorno presencial dos estudantes da 3ª série do Ensino Médio porque esses alunos estão se preparando para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). O retorno nas demais séries e modalidades acontece de forma gradativa e seguindo o cronograma:

  • 18 de outubro 2021 - a 3ª série do Ensino Médio, em todas as modalidades e suas respectivas etapas;
  • 25 de outubro de 2021 -  o 5º e 9º anos do Ensino Fundamental;
  • 1ª de novembro de 2021 - 1º, 2º, 3º, 4º, 6º, 7º, 8º anos do Ensino Fundamental e 1ª e 2ª séries do Ensino Médio, a partir do dia 1º de novembro de 2021.

De acordo com as informações da SEDUC-PI, a decisão pelo retorno obrigatório das atividades só foi possível após a pasta avaliar os índices da doença no Piauí, bem como a redução no número de casos e a ocupação dos leitos hospitalares. Além disso, levou-se em consideração o avanço da vacinação da população, em especial dos profissionais da educação. 

Com a nova medida, as unidades de ensino da rede estadual deverão organizar suas atividades pedagógicas com cinco dias de atividades presenciais para a 3ª série do Ensino Médio e 9º ano do Ensino Fundamental e para as demais séries do Ensino Médio e Ensino Fundamental serão quatro (04) dias de aulas presenciais e um (01) com abordagem remota.

PROTOCOLOS

Para garantir a segurança e a ampliação do retorno às aulas presenciais, todos os protocolos sanitários, como uso obrigatório de máscara, distanciamento de 1,5 metro entre as pessoas, higienização frequente das mãos e outras medidas exigidas pelos protocolos emitidos pelo Comitê Técnico do Centro de Operações Emergenciais em Saúde Pública (COE) serão mantidos.

O QUE DIZ O SINTE-PI 

Ao Cidadeverde.com, Paulina Almeida, presidente do SINTE-PI (Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Estado do Piauí), informou que a categoria reconhece que os professores já estão vacinados, mas questionou a falta de vacina em alunos menores. "Porque aqueles que têm idade já foram vacinados", pontuou a presidente do SINTE-PI. 

Paulina Almeida destacou que a preocupação nesse retorno é com as escolas que não têm condições sanitárias para receber o corpo docente e discente da instituição. "E eu posso afirmar que inúmeras escolas, tanto na capital, como no interior, não têm as condições sanitárias para receber esses alunos", destacou Almeida. 

"Defendemos que as aulas presenciais sejam retomadas quando as escolas tiverem as condições sanitárias necessárias para o atendimento de qualidade aos professores, funcionários e estudantes", completou Paulina Almeida. 

Foto: Roberta Aline/ Cidadeverde.com

A QUEM É FACULTATIVO O RETORNO

A volta presencial às aulas só não será obrigatória aos estudantes que apresentarem um pedido formal que, após análise das escolas, tenha autorização para continuar em atividade remota. Atualmente, 512 escolas estaduais então funcionando com o sistema híbrido e 147 remoto. São 59.794 estudantes atendidos de forma híbrida e 162.431 de forma remota.

 

Flash Nataniel Lima (Com informações da Seduc)
[email protected]

Imprimir