Cidadeverde.com
Últimas

Mais de 7 mil aposentados ainda não realizaram prova de vida; prazo encerra dia 31

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

Com o prazo final até o dia 31 de outubro, 7.700 aposentados e pensionistas ainda não realizaram a prova de vida deste ano. Segundo o presidente da Fundação Piauí Previdência (Piauíprev), Ricardo Pontes, quem não realizar o procedimento terá o benefício suspenso a partir de novembro.

A realização da prova de vida permanece sendo feita por meio digital através do aplicativo Meu RPPS. Nele, o segurado deve fazer um cadastro inicial e seguir os passos para envio de foto do documento de identidade e de uma selfie.

Ainda de acordo com Ricardo Pontes, são 45 mil beneficiados e destes, até o momento, 36.300 já realizaram o cadastro com sucesso. Para o segurado que está acamado ou impossibilitado de fazer o procedimento pelo aplicativo, a pessoa que estiver cuidando dele deverar mandar as informações e um laudo médico comprovando essa incapacidade para o e-mail  '[email protected]'. 

Nesta terça-feira (26), circulou a informação que o aplicativo Meu RPPS estaria com problemas para a realização do cadastro da prova de vida. Porém, o presidente da Piauíprev explicou ao Cidadeverde.com que o sistema segue funcionando normalmente e que não há relatos de instabilidade no aplicativo.

“O sistema está funcionado normal. Algumas pessoas nos procuraram presencialmente, mas porque elas não estavam conseguindo fazer pelo app, com dificuldades de seguir as orientações no sistema e nós fizemos esse cadastro para eles, mas [o aplicativo] segue funcionado normal”, destaca Ricardo Pontes.

Foto: PiauíPrev

 

Rebeca Lima 
[email protected]

Imprimir