Cidadeverde.com
Vida Saudável

Psoríase: entenda a doença que gera dificuldades emocionais em pacientes

Imprimir

Foto: Freepik



A psoríase é uma condição desfigurante e incapacitante sem cura conhecida. As placas de pele visíveis e as articulações inflamadas são sintomas físicos característicos, mas as pessoas que vivem com psoríase também enfrentam muitas dificuldades emocionais, sociais e econômicas. Está na hora de acabar com o sofrimento deles. Em 29 de outubro, Dia Mundial da Psoríase, a IFPA está lançando uma petição global para exigir melhorias.

Pelo menos 60 milhões de pessoas vivem com psoríase em todo o mundo. A maioria enfrenta barreiras no acesso ao tratamento. Quatro entre cinco pessoas sofrem discriminação devido a sintomas visíveis da pele e 12% apresentam quadros de depressão. Durante a pandemia da COVID-19, 43% observaram piora em sua doença. Mas grande parte desse sofrimento pode ser evitada.

Em 2014, todas as nações da ONU votaram por unanimidade em aprovar a resolução da psoríase (WHA 67,9), comprometendo-se a melhorar a vida de todos que vivem com psoríase. Recomendações práticas sobre como atingir esse objetivo ambicioso foram publicadas no Relatório Global da Organização Mundial da Saúde sobre a Psoríase em 2016. Em seguida, o progresso estagnou. Mais de cinco anos após esses marcos, as necessidades ainda não foram atendidas.

Como líder global na luta contra a doença psoriática, a IFPA está unindo associações de pacientes em todos os continentes para solicitar ações urgentes. No Dia Mundial da Psoríase, eles lançam uma solicitação on-line para promover mudanças. "Estamos cansados de promessas. Exigimos progresso", disse Janina Kostiukaite, Coordenadora do Dia Mundial da Psoríase. "Os países que votaram para aprovar a Resolução da Psoríase devem cumprir seus compromissos."
 

A convenção mundial de psoríase do IFPA destaca cinco demandas principais:

Mudança de percepção da psoríase
Garantir igualdade de acesso a medicamentos
Parar o estigma
Aprimorar o cuidado integral
Preparar a força de trabalho


A IFPA tem uma meta ambiciosa de reunir 200.000 assinaturas até o final de 2021. Esses endossos serão usados para defender melhor o tratamento da psoríase em nível nacional. Frida Dunger Johnsson, diretora executiva da IFPA, disse: "O Dia Mundial da Psoríase é uma grande oportunidade de mobilizar a causa em todo o mundo. Ao nos reunirmos, podemos convocar ministros da saúde, governos e tomadores de decisões para melhorar o acesso ao tratamento. Unidos, podemos garantir que as pessoas que vivem com psoríase recebam suporte."

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir