Cidadeverde.com
Últimas

Setut suspende venda de vale no papel, mas pode recorrer da decisão da Strans

Imprimir

Foto: Roberta Aline

 

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut) analisa a portaria da Strans (Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito) que proibiu a venda e comercialização de vale-transporte no papel

A decisão da prefeitura de Teresina foi da última segunda-feira e causou surpresa entre os líderes dos consórcios de ônibus. Pela portaria, fica proibida a venda e comercialização de vale-transporte e passe estudantil em Teresina em papel impresso. 

A justificativa da Strans é combater as irregularidades e evitar a migração de passagens do cartão eletrônico para o vale no papel. 

De acordo com Setut, o vale no papel é usado principalmente no transporte rural.  

“Fomos pegos de surpresa com a portaria da Strans e a nossa assessoria jurídica está analisando. Enquanto isso, acatamos a decisão e foi suspensa a venda no papel”, afirmou o empresário Vinicius Rufino. 

Ele garantiu ainda que os usuários que compraram o vale-transporte e o passe estudantil, antes da decisão da Strans, o bilhete ainda estará valendo nos ônibus. 

Hoje, o Setut divulgou nota esclarecendo que a venda do cartão eletrônico continua normalmente e sem qualquer alteração. 

"O Setut continua com essa comercialização do passe estudantil e do expresso nos postos de venda, incluindo o posto de venda central do Setut e Vale Transporte Eletrônico (VTE) através do site. O vale transporte é um direito do trabalhador, então para os usuários a venda irá continuar, ou seja, os vales eletrônicos continuam sendo aceitos”, escalrece Idina Medeiros, coordenadora executiva do Setut. 

A venda dos passes eletrônicos está mantida nos diversos postos distribuídos na capital, incluindo no posto de venda central. 

De acordo com o Setut, todos postos são distribuídos estrategicamente pelas zonas da cidade e ofertam os serviços de venda de cartões expressos e recarga de créditos para os passes estudantis e para os outros usuários do transporte público. 

“O usuário que tiver dúvidas ou interesse por mais informações sobre a localização dos postos de vendas e recarga, e outras notícias, pode acompanhar através do site http://www.maisfacilteresina.com.br/postos.php e www.setut.com.br, além das redes sociais do Setut”, complementa Idina Medeiros.

Há mais de um ano, Teresina vive um caos no transporte público. Após incontáveis paralisações foi anunciado o retorno da circulação regular de ônibus. Contudo, mais uma vez, a categoria iniciou uma greve que, nesta segunda-feira (03), entrou no 7º dia. 

 

Flash Yala Sena (com informações do Setut)
[email protected]

Imprimir