Cidadeverde.com
Vida Saudável

Diabetes: 50% da população do país não sabe que tem a doença

Imprimir

Foto: Pixabay



O tradicional mês de conscientização sobre diabetes - Novembro Diabetes Azul - começa com um dado alarmante, o aumento de 16% na incidência de diabetes em meio à população adulta em todo o mundo. Segundo a Federação Internacional de Diabetes (IDF, sigla da nomenclatura em inglês), entre 2019 e 2021, o número de pessoas com a doença aumentou em 74 milhões - totalizando 537 milhões de adultos.

No Brasil, as estimativas mais recentes somam 16,8 milhões de pessoas com a doença (cerca de 7% da população). Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), esse número também pode aumentar, no país, em função da atual pandemia que provocou maior dificuldade no acesso e manutenção da alimentação saudável, menores índices de atividade física e evasão dos sistemas de saúde.

A coordenadora do Departamento de Campanhas da SBD, Dra. Dhianah Santini de Oliveira, aponta que este cenário é muito preocupante visto que a doença age de maneira silenciosa. "No Brasil, 50% da população não sabe que tem a doença. Em boa parte dos casos, a descoberta ocorre em virtude de sintomas iniciais decorrentes de alguma complicação".

A médica ainda aponta que a crescente dificuldade em manter a alimentação saudável, associada à diminuição da frequência de atividade física, em função da pandemia por Covid-19, tem contribuído para o surgimento de novos casos de diabetes e para a desestabilização dos níveis de glicemia entre aquelas que já iniciaram tratamento.

O endocrinologista Dr. Marcio Krakauer destaca também que, além das complicações físicas, os novos casos da doença demandam redobrados esforços em saúde pública para assistência de pacientes.

"Recentemente, observamos um cenário de desabastecimento de insulinas de ação rápida em vários pontos do país, impactando o tratamento, sobretudo, da parcela mais desassistida da população. Hoje, no Brasil, pelo menos 6,5 milhões necessitam de tratamento insulínico. Um aumento no contingente de pessoas com diabetes exigirá um maior planejamento nas formas de atendimento, distribuição de medicamentos e ainda de ações para a prevenção de complicações como retinopatias, amputações e outras".


Novembro Diabetes Azul - SBD

Para ampliar o acesso a informações seguras e a conscientização sobre o diabetes, a Sociedade Brasileira de Diabetes promoverá, ao longo do mês de novembro, uma série de ações especiais para elucidar o tema. Neste ano, o mote principal da campanha Novembro Diabetes Azul é "Acesso ao cuidado para o diabetes".

Entre elas, figuram lives, corridas virtuais, entrevistas e outras iniciativas que possibilitem a participação remota. Entre os pontos altos da programação está o programa Especial 100 anos de Insulina, a ser veiculado no Dia Mundial do Diabetes (14 de novembro), que apresentará uma linha do tempo, desde o desenvolvimento da insulina, em 1921, até os dias de hoje com avanços nas tecnologias.


Da Redação
[email protected]

Imprimir