Cidadeverde.com
Economia

Novo cronograma confirma prova do concurso da PM para 30 de janeiro

Imprimir

Fotos: Roberta Aline/Cidadverde.com

A Polícia Militar do Piauí confirmou ao portal Cidadeverde.com nesta sexta-feira (10) que a prova objetiva no concurso público será dia 30 de janeiro de 2022.

A PM e a Secretaria de Administração vão encaminhar a nova data ao presidente do Núcleo de Concurso e Promoção de Eventos da Uespi (Nucepe) para que adote as providências para a realização da prova.

O concurso público da PM-PI prevê a seleção de 1000 soldados, com salário inicial de R$ 3.470. A prova objetiva estava marcada para o último domingo, 05 de dezembro, mas acabou adiada.

O certame terá cinco etapas, sendo a primeira, a realização da prova escrita; a segunda, o exame de saúde, no período de 28 de março a 14 de abril de 2022; a terceira, o exame de aptidão física, de 16 de maio a 1º de junho de 2022; a quarta, a avaliação psicológica, no dia 7 de julho de 2022. Por fim, a quinta e última etapa, a investigação social (envio de documentação), de 11 a 13 de agosto de 2022. 

O resultado final da quinta etapa sai até o dia 22 de setembro, e a divulgação dos candidatos aprovados para matrícula no curso de Formação de Solados da PM ocorre até o dia 28 de setembro. 

Em comunicado oficial, a banca organizadora do certame alegou que, devido a confirmação de casos da variante ômicron no país e a grande quantidade de inscritos no concurso, é necessária uma "reorganização" da quantidade de candidatos em cada uma das salas onde será aplicada a prova.

Na última terça-feira (07), o governado do Piauí, Wellington Dias emitiu um decreto estabelecendo situação de emergência administrativa por 90 dias.

No documento, o governador determinou a elaboração urgente de novo cronograma de execução do concurso, além de estabelecer prioridade na tramitação dos processos relacionados ao certame, em todos os órgãos da administração direta e indireta.

O presidente do Nucepe, Jorge Martins, informou ao Cidadeverde.com que o decreto do governador irá fornecer autonomia para a organização buscar mais lugares para a realização das provas e compras de equipamentos de proteção como EPIs, máscaras, álcool em gel. 

Além disso, o Núcleo de Concurso também já busca novos locais para a aplicação das provas com o apoio da secretarias Municipal e Estadual de Educação. 

Coronel Lindomar Castilho 

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Lindomar Castilho, também acrescentou que o Nucepe garantiu que o período do início da formação dos aprovados será mantido conforme o primeiro cronograma divulgado pelo certame.

“O calendário final, a última etapa do concurso, que estava prevista no primeiro cronograma será mantida, portanto a apresentação prevista para a Polícia Militar dos aprovados para iniciar a formação será mantida. Esse é o compromisso que o Nucepe nos garantiu”, ressalta o comandante.

Ainda segundo o coronel Lindomar Castilho serão acrescentando mais lugares para a aplicação da prova devido a grande quantidade de inscritos para o concurso.

“Eles devem ampliar os locais de ampliação de prova, vão ter mais locais recebendo os inscritos que superou a expectativa, temos um pouco mais de 40 mil inscritos”, finaliza o coronel Lindomar Castilho.

Concurso para Oficial da PM-PI

Já o concurso para o cargo de oficial da Polícia Militar seguirá para a segunda fase, onde serão realizados os exames médicos e odontológicos dos candidatos. A prova objetiva foi realizada ainda no mês de outubro, no dia 10. Ao todo, foram 2393 candidatos incritos para 40 vagas com salário até R$ 6.170. 

Rebeca Lima e Yala Sena
[email protected] 

Imprimir