Cidadeverde.com
Cidades

Obras da Adutora do Litoral avançam e mais 6 povoados terão água até março

Imprimir

Foto: Idepi

O avanço na obra da Adutora do Litoral, executada pelo Governo do Estado, através do Instituto de Desenvolvimento do Piauí (IDEPI), vai permitir que ainda no primeiro trimestre deste ano, moradores de mais seis povoados de Luís Correia passem a contar com redes de distribuição para receberem água nas torneiras de casa. As equipes continuam trabalhando na execução do projeto que vai garantir o abastecimento de água em todos os municípios e povoados da região litorânea do Piauí, beneficiando diretamente cerca de 200 mil pessoas.

Nesta quinta-feira, 20, o Diretor-Geral do IDEPI, Leonardo Sobral, visitou as obras e acompanhou o trabalho da equipe de engenheiros responsáveis pela execução dos serviços que, neste momento se concentra no município de Luís Correia, abrangendo sete povoados. Já foram concluídos os reservatórios e as redes de distribuição de água nos povoados Macapá, Maramar e Carnaubal.

Até o primeiro trimestre deste ano deve ser concluída a implantação dos tubos para a rede de distribuição de água nos povoados Barramares, Arrombado, Sobradinho, Carnaubal, Macapá e Maramar. Só esta etapa vai possibilitar que cerca de 700 novas ligações sejam feitas, das quase quatro mil previstas no projeto. Seguindo o cronograma de novas ligações, os próximos povoados contemplados devem ser Carapebas, Camurupim e Mexeriqueira, até chegar ao povoado de Barra Grande, em Cajueiro da Praia, até junho deste ano.

Dos reservatórios previstos no projeto, nove já estão prontos. Atualmente, as equipes atuam na construção dos reservatórios nos povoados Sobradinho e Camurupim. No Camurupim, também já foi iniciada a construção da estação elevatória. Há ainda frentes de trabalho finalizando a estação elevatória de bombeamento de água do povoado Coqueiro.

“Trata-se de uma obra complexa, que abrange várias frentes de trabalho e nossas equipes têm atuado de forma simultânea em vários trechos para concluir o projeto o mais rápido possível e possibilitar que a rede esteja pronta para a Agespisa fazer as ligações internas e levar água às torneiras das casas de milhares de piauienses que moram no litoral. Isso sem contar a importância da obra para o desenvolvimento do turismo, tão importante para essa região”, destaca o diretor-geral do IDEPI, Leonardo Sobral.

Quando estiver concluído, o sistema da Adutora do Litoral vai garantir o abastecimento de água nos municípios de Parnaíba, Ilha Grande, Luís Correia e Cajueiro da Praia, garantindo um incremento de mais 6 milhões de metros cúbicos de água na capacidade de reserva do sistema. Ao todo, serão implantados cerca de 82,44 km de extensão da tubulação principal, além de quatro estações elevatórias, 14 unidades de reservatórios e uma unidade reservatório pulmão, localizada no bairro Pindorama, em Parnaíba, com capacidade de 3.540m³ de água tratada, pronta para consumo da população.

A obra deve receber um total de R$ 53 milhões em investimentos provenientes do PRO Piauí.

Da Redação
[email protected]

Imprimir