Cidadeverde.com
Esporte

Fim da polêmica? Fifa reconhece mais uma vez mundial de 1951 do Palmeiras

Imprimir

Mais uma vez a Fifa alimentou a discussão a respeito do título da Taça Rio de 1951 do Palmeiras, e seu status de "Mundial". Como já havia ocorrido nesta semana, quando a entidade publicou uma entrevista com o atacante Rony. Em uma das perguntas, o jogador foi questionado sobre seu clube "igualar o número de mundiais" do Corinthians.

A Fifa publicou em seu site uma matéria em que destaca as principais conquistas do clube paulista. Dentre elas, e que abre o artigo, está a Taça Rio de 1951, classificada pela entidade como "Campeonato Mundial".

"O sonho de um campeonato mundial foi sonhado e discutido durante anos por algumas das principais figuras do futebol - Jules Rimet, Ottorino, Barassi and Stanley Rous - e foi finalmente organizado em 1951, no Brasil, que havia recentemente recebido a Copa do Mundo", detalha a Fifa em seu site.

Além disso, a entidade também trata da força dos rivais enfrentados pelo Palmeiras: os favoritos Juventus e Vasco da Gama, dentre outros. Outras conquistas que também receberam a atenção e menções foram o bicampeonato brasileiro, em 1993 e 1994, a Copa Libertadores da América de 1999 e a "Academia", de 1960 a 1973.

Palmeiras e Chelsea se enfrentam neste sábado, às 13h30, no Mohammed Bin Zayed Stadium, pela disputa do troféu do Mundial de Clubes da Fifa. O time brasileiro derrotou o Al Ahly por 2 a 0 para chegar à decisão, enquanto os ingleses bateram o Al Hilal por 1 a 0.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir