Cidadeverde.com
Entretenimento

Sílvio Mendes autoriza Salão de Humor na avenida Frei Serafim

Imprimir
O uso do canteiro da Avenida Frei Serafim no último Salão Internacional de Humor, realizado em dezembro de 2007, foi tema de discórdia entre o prefeito Sílvio Mendes e o coordenador do Evento, Albert Piauí. Para este ano, a utilização já foi concedida pelo prefeito.

Na época, a polêmica se deu por conta da recente inauguração da reforma do canteiro. Para o prefeito, era inadmissível uma obra que custou tão caro ser utilizada para um evento como o Salão de Humor. O deslocamento das pessoas poderia matar as plantas e danificar o calçamento recém colocados.

A coordenação do evento avisa que esse ano o espaço será bem utilizado com a exposição de mais de 100 artistas plásticos do Piauí. Nomes como Cecília Mendes, Gabriel Arcanjo, Antonio Amaral, Jéferson Soares, Edson Meireles, Dora Parentes, Rogério Albino, Hostiano Machado, Carlos Martins, dentre outros, exporão seus trabalhos com o tema Meio Ambiente, que também será tema dos trabalhos dos cartunistas e chargistas que concorrerão.

Cerca de 40 desses artistas exporão, além dos seus trabalhos, pinturas em potes produzidos pelos artesãos do Poti Velho. “É uma oportunidade de mostrar o trabalho dos artistas, com o tema Meio Ambiente, e mostrar também o trabalho dos artesãos piauienses”, argumenta Albert.

A Fundação Nacional do Humor também está procurando convênios com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, o antigo Cefet, e do Núcleo de Artes Plásticas do Dirceu Arcoverde, para que os alunos de Tecnologia em Vestuário e Artes Plásticas realizem exposições de seus trabalhos também na Frei Serafim.

Albert Piauí afirmou ao Cidadeverde.com que o prefeito autorizou através do superintendente João Pádua. Porém, está marcada uma reunião para as 10h30 da próxima quinta-feira. Amanhã, Albert se reune com o governador Wellington Dias, às 11h, no Palácio de Karnak. Neste encontro, o governador deverá sinalizar qual será a ajuda que o governo dará ao evento.

Leilane Nunes
leilanenunes@cidadeverde.com

Tags:
Imprimir