Cidadeverde.com
Esporte

Ednaldo Rodrigues é eleito Presidente da CBF

Imprimir

Foto: Luís Figueiredo/CBF

Ednaldo Rodrigues é o novo Presidente da CBF. O dirigente foi eleito nesta quarta-feira (23) por unanimidade entre os presentes na votação, que contou com participação das federações estaduais e dos clubes da Séries A e B do Brasileirão. Ele comandará a gestão da entidade pelo quadriênio de 2022 a 2026.

Momentos após a confirmação do resultado, na Casa do Futebol Brasileiro, Ednaldo Rodrigues tomou posse como Presidente da CBF, ao lado de seu Conselho de Administração, que contará com oito vice-presidentes. São eles: Antônio Aquino Lopes, Fernando Sarney, Francisco Noveletto, Hélio Cury, Marcus Vicente, Reinaldo Carneiro Bastos, Roberto Góes e Rubens Lopes. Juntos, eles compuseram a chapa "Pacificação e Purificação do Futebol Brasileiro", que venceu o pleito.

Após tomar posse, Ednaldo Rodrigues deixou uma mensagem de unificação para toda a comunidade do futebol brasileiro, representada pelos presidentes de clubes e federações presentes:

"Que esta entidade seja dos filiados, das federações, dos clubes da Série A, da B, da C, da D, do futebol brasileiro. E que nenhuma interferência externa possa subjugar este trabalho. Neste momento, quero agradecer a todos vocês de uma forma penhorada, por esse apoio, por esse decisivo não ao preconceito. E dizer que, juntos, queremos construir um futebol brasileiro que seja de pureza, de transparência, em que os clubes possam ter voz, não só votos. Que eles desenhem o que é melhor para todos eles. Que as federações coloquem seus nomes na modernidade do futebol brasileiro", afirmou o Presidente da CBF.

A eleição

Nesta quarta-feira (23), a sede da CBF recebeu os presidentes convidados para participar da Assembleia Geral Eleitoral. Estiveram presentes representantes das Federações Estaduais de Futebol e dos clubes que disputarão as Séries A e B do Campeonato Brasileiro em 2022. Cada dirigente teve direito a um voto, com regras definidas previamente em Assembleia Geral Extraordinária realizada no último dia 7 de março.

Conforme estabelecido, os votos das Federações tiveram peso 3, os clubes da Série A representavam peso 2 e os clubes da Série B tinham peso 1. Todos os votantes escolheram pela chapa "Pacificação e Purificação do Futebol Brasileiro", que era candidata única no pleito. As únicas ausências ficaram por conta da Federação Alagoana de Futebol e da Associação Atlética Ponte Preta. Além de Ednaldo Rodrigues, também foram eleitos os oito vice-presidentes da CBF para os próximos quatro anos, de acordo com a inscrição da chapa regulamentada na última sexta-feira.

No início da tarde, Ednaldo Rodrigues foi empossado como novo Presidente da CBF. O dirigente assinou o termo de posse ao lado de seus vice-presidentes.

Imprimir