Cidadeverde.com
Cidades

Barragem de Boa Esperança atinge 80% e rio Parnaíba aumentará nível das águas

Imprimir

Foto: André Schuler/Chesf

O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) alertou nesta sexta-feira (25) que o rio Parnaíba deve ter um aumento no seu nível após a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) informar que vai elevar a vazão do reservatório de Boa Esperança após ela atingir 80,12% da sua capacidade de armazenamento.

A atual vazão é de 900 m³/s, e a Chesf vai realizar um aumento para 1.200 m³/s a partir de sábado (26). A barragem atingiu 80,12% da sua capacidade de armazenamento após a ocorrência de chuvas na bacia do rio Parnaíba nos últimos dias.

O CPRM informou que isso deve afetar o aumento do nível do rio Parnaíba no estado do Piauí. “Caso se confirmem as previsões gerais para todo o período chuvoso da ocorrência de chuvas dentro ou acima da média na bacia devido, principalmente, à ocorrência de La Niña, é possível que os rios atinjam cotas mais significativas de meados de março a meados de maio, com maior predominância no mês de abril. A CPRM permanecerá acompanhando o comportamento dos rios da bacia do Parnaíba e emitirá boletins com previsões de curto prazo do comportamento futuro do rio caso o mesmo suplante o nível de alerta em alguma das cidades beneficiadas”, informou.

Situação dos rios

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com

Rio Parnaíba em Teresina

A previsão é que os níveis dos rios na região Norte e Centro-Norte do estado continuem se elevando por conta dos volumes das chuvas que devem ser um pouco maiores nessa região nos próximos 7 dias.

No município de Barras, o rio Marataoan está na cota de alerta, com um nível atual de 4,01 m, se aproximando da cota de inundação de 4,20 m.

Em Esperantina o rio Longá está com 6,80 m, acima da cota de alerta que é de 6,40 m. No município a cota de inundação é de 7,40 m.

Já o rio Parnaíba, localizado no município de Luzilândia está em cota de atenção, com um nível de 4,56 m, se aproximando da cota de alerta que é de 5,0 m. Em Teresina está com 5,36 m, e em Floriano, com 5,94 m, em cota de atenção.

“Todos os rios monitorados na bacia com previsão de nível estão em cotas acima do esperado a exceção do rio Marataoan em Barras que está em cota de alerta e encontra-se dentro do esperado para o período do ano”, afirmou o CPRM.

Chuvas

O Serviço Geológico do Brasil informou que até esta sexta-feira já choveu em Teresina 54% acima do esperado para esse período. Para a região de Floriano, já choveu 176% acima do esperado.

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com

Chuva em Teresina

De acordo com o CPRM, em Teresina eram esperadas precipitações de até 689 mm, mas já foram registradas 1.063,8 mm. Na região do município de Floriano, até o mês de março o esperado era de 488,4 mm, mas já foram registrados 1347,6 mm. 

Em Luzilândia o esperado era de 598,6 mm e observado de 607,2 mm e em Esperantina com esperado de 823,60 mm e observado de 767,2 mm.

O CPRM informou que até o dia 1º de abril os maiores volumes de chuvas devem ser registrados na região Norte e Centro-Norte. Depois, até o dia 9 de abril, devem ocorrer volumes médios de chuva, em torno de 73,4 mm por todo o estado.

“A previsão pluviométrica indica num horizonte de 7 dias volumes um pouco maiores na porção mais ao norte da bacia e caso se confirme podemos continuar com os níveis dos rios nessa porção ainda elevados”, destacou o CPRM.

 

Bárbara Rodrigues
[email protected]

 

Imprimir