Cidadeverde.com
Economia

Empresários investem em restaurantes de comida natural para pets em Teresina

Imprimir

Foto: Freepik 

O mercado de alimentação orgânica para animais de estimação vem crescendo no Brasil, e empresários já apostam em restaurantes com comida natural para pets em Teresina.

A capital está recebendo cada vez mais estabelecimentos voltados para este nicho, especialmente na produção de alimentos naturais para cães e gatos.

A proposta é diversificar os produtos que os animais podem consumir, unindo criatividade e saúde. Entre os alimentos que fazem mais sucesso destacam-se doces, bolos de aniversário e petiscos.

As ideias pioneiras de comida natural para pets em Teresina surgiram de tutoras que buscavam maneiras de inserir seus companheiros nas comemorações familiares. No entanto, para não prejudicar a saúde dos pets com comida humana, passaram a importar receitas diferenciadas de outros estados.

Desta forma, empresários e tutores se uniram para dar início a uma nova rede, que conquistou donos de cães e gatos, principalmente pela novidade e pelo preço, que se torna mais acessível em estabelecimentos locais. Segundo a pesquisa “Quanto custa ter um cão ou gato?”, da Betway Insider, os tutores gastam, em média, R$250 a R$350 por mês em ração convencional. Com isso, ter uma alternativa, como comida natural para pets em Teresina, não apenas pode reduzir esses custos, como diversificar os alimentos oferecidos para os animais.

Comida natural para pets em Teresina inclui apenas produtos orgânicos

Apesar da novidade chamar a atenção, é preciso assegurar qual comida natural para pets em Teresina está autorizada pelos especialistas. Afinal, não são todos os alimentos orgânicos que podem ser oferecidos para cães e gatos.

Recomenda-se que o tutor ofereça somente frutas tropicais, evitando alimentos ácidos, além de processados e industrializados com muito açúcar. Isso pode prejudicar a saúde do pet e causar sérios problemas.

Por esse motivo, as comidas naturais oferecidas por esses estabelecimentos pioneiros na capital buscam unir somente ingredientes aprovados, além de incluir nutrientes especiais para cães e gatos na receita.

Contudo, mesmo obtendo a confirmação de que o alimento está autorizado, vale a pena realizar um monitoramento veterinário para garantir que não existe nenhum efeito colateral.

É o que a especialista Dora Mazzali (CRMV 17756), veterinária no convênio pet NoFaro, aconselha em entrevista ao site de roleta online. “Também é importante fazer o check up com exames complementares, para sempre se precaver de possíveis doenças”, indica a veterinária, que reforça a importância de visitas ao veterinário periodicamente.

No entanto, com todas as seguranças, é possível aproveitar a comida natural para pets em Teresina, a partir de encomendas ou visitas aos estabelecimentos.

Embora o nicho ainda seja uma novidade, muitos tutores receberam bem a ideia, e o comércio se apresenta como uma proposta atrativa para o comércio pet.

Estabelecimentos podem movimentar milhões no ano

Os locais de comida natural para pets em Teresina fazem parte de um mercado nacional bem movimentado.

Em 2020, esse setor movimentou cerca de R$130 bilhões, segundo pesquisa do Euromonitor divulgada pelo estudo da Betway Insider. No Brasil, o valor chegou a R$27 milhões, sendo a alimentação correspondentes a 70% de todo o faturamento, conforme apontado pela Abinpet e repassado pelo site de cassino online.

Por esse motivo, acredita-se que a ideia de comida natural para pets possa vir a ser um sucesso, especialmente com um público em crescimento e bem engajado.

Em Teresina, o serviço está disponível por meio da internet, e os tutores podem conhecer mais alternativas pelas redes sociais.

 

Da Redação
[email protected] 

 

Tags:
Imprimir