Cidadeverde.com
Política

Pré-candidato do Podemos acredita que eleição de outubro será igual a de 1994

Imprimir

O pré-candidato a governador do Piauí pelo Podemos, o professor e advogado Alessander Mendes, acredita que a eleição 2022 trará uma grande surpresa para o estado. Mendes chega a comparar o pleito com 1994, quando o atual prefeito de Parnaíba, Mão Santa, venceu a disputa pelo Palácio de Karnak com o apoio de apenas 3 prefeitos.

“Esta eleição de 2022 será semelhante à de 1994. Quando tudo estava prederminado, todos os candidatos já estavam pré-eleitos, e o então prefeito Mão Santa sai da Parnaíba como um segundo grito de independência e disse: eu não aceito e se lança pré-candidato. Também naquele momento foi motivo de chacota, de brincadeira, até a luta democrática que foi feita naquele ano”, afirmou em entrevista à TV Cidade Verde.

Segundo Mendes, em 2002 o “fenômeno” aconteceu novamente, desta vez com o então governador Wellington Dias. “Estamos todos cansados das estruturas políticas serem determinadas em escritórios. É isso que o cidadão piauiense não aceita mais. É por isso que digo: estamos prontos para percorrer a maior jornada democrática desse estado”, declarou.

Alessander Mendes ressaltou ainda que, em um primeiro momento, colocou seu nome à disposição para a disputa de qualquer cargo no pleito de outubro.

“Nós colocamos o nosso nome a qualquer situação político-partidária. Quando você está em um partido, o diálogo é a coisa mais importante. E o partido, então, depois de muitos dias de conversas, me disse que tinha uma missão pra mim: que é de se tornar pré-candidato ao governo do Piauí. Assim foi feito e aceito e estamos percorrendo todos os lugares”, finalizou.

Foto: Renato Andrade

Hérlon Moraes
[email protected]

Imprimir