Cidadeverde.com
Últimas

Centro de Zoonoses vai reforçar ações de combate à Dengue em Teresina

Imprimir

Após o aumento de casos de dengue e chikungunya em Teresina nas últimas semanas, a Gerência de Zoonoses vai reforçar as ações de combate ao mosquito aedes aegypti na capital. Até a semana passada, foram notificados 1731 casos de dengue, o que tem preocupado as autoridades em saúde. 

O diretor do Centro de Zoonoses, Paulo Marques, destaca que para tentar barrar o avanço das duas doenças as visitas dos agentes de endemias vão ser intensificadas em várias regiões da capital. 

“Nos estamos intensificando os trabalhos. Nossos agentes continuam trabalhando e em busca dos criadouros, que são aqueles locais que retêm água, onde a fêmea faz a postura dos ovos e nascerão novos mosquitos. Nosso trabalho é intenso e estamos sempre buscando reforça”, destacou Paulo Marques. 

O diretor do Centro de Zoonoses também destacou que os agentes são reinados para localizar e eliminar os criadouros do mosquito.  Por isso, a população deve receber as visitas domiciliares. 

Além da atuação dos agentes de endemias, outras ações também devem ser intensificadas, como a utilização do carro fumacê para dispersar a presença do mosquito da dengue nos bairros com maior incidência de casos. 

Os bairros com maior número de casos de dengue são: São Joaquim, Matadouro, Mocambinho, Parque Alvorada e Nova Brasília.

A população pode entrar em contato com o Centro de Zoonoses através do telefone 3125-9144.

Sintomas e prevenção 

A Dengue provoca sintomas como dor nas articulações, no corpo, na cabeça, náuseas, febre acima de 39ºC e manchas vermelhas no corpo. 

A prevenção pode ser feita com práticas simples que evitam, principalmente, a reprodução do mosquito transmissor, através da eliminação de objetos que acumulem água parada.

 

 

 

 

 

Natanael Souza
[email protected] 

Imprimir