Cidadeverde.com
Últimas

Famílias são retiradas de casa com risco de desabamento na Vila da Paz, zona Sul

Imprimir
  • casa_vila_da_paz_moveis2_edit.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz_moveis_edit.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz8.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz7.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz5.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz4.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz3.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz_2.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil
  • casa_vila_da_paz1.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com e Defesa Civil

Equipes da Defesa Civil interditaram nesta quarta-feira (27), mais uma residência da Vila da Paz, zona Sul de Teresina, com risco de desabamento. De acordo com o gerente de operações da SEMDEF, Marcos Rolf, a família já havia sido removida ontem (26) e o local foi totalmente fechado após a retirada dos móveis nesta manhã.

“São três famílias que moram na casa, cerca de 10 pessoas, e nós retiramos as famílias de lá porque o piso estava cedendo e as paredes rachadas com o risco de a qualquer momento desabar”, explicou Marcos Rolf.

Além dessa casa, outras três residências da Vila da Paz que ficam também ficam próximas a um grotão já haviam sido interditadas após um deslizamento registrado durante esse último final de semana no local.

Segundo Marcos Rolf, técnicos deverão realizar uma avaliação da área e das residências do local que é considerado de risco pela Defesa Civil.

“Os técnicos vão verificar para fazer um diagnóstico, uma avaliação da região, para saber se as casas devem continuar. Para a Defesa Civil, a área é considerada de risco.

A moradora, Maria Antônia, que é vizinha da residência interditada nesta manhã, relatou que até o momento sua casa não apresenta riscos.

“Falaram que em caso de rachadura, se tiver cedendo alguma coisa é para gente ligar para a Defesa Civil. Eu digo que não estou prejudicada porque até agora não afundou nada e não rachou nada”, disse a moradora.

As famílias removidas das residências deverão ficar em casas alugadas recebendo o aluguel solidário da Prefeitura de Teresina.

Emergência 

Em situações emergências ou em casos de dúvidas, a população pode ligar para o telefone de emergência 199 da Defesa Civil ou para o telefone fixo (86) 3223-7366. O atendimento via telefone é 24 horas, todos os dias da semana, incluindo feriados.

 


Rebeca Lima
[email protected]

 

Imprimir