Cidadeverde.com
Vida Saudável

Vitiligo x alimentação: veja quais alimentos devem ser evitados e quais recomendados

Imprimir

Foto: Freepik

 


O vitiligo é uma doença não contagiosa em que ocorre perda da pigmentação natural da pele causada pela redução no número ou função dos melanócitos, células localizadas na epiderme responsáveis pela produção do pigmento cutâneo, conhecido como melanina.

De acordo com a nutricionista Monik Cabral, pessoas que têm a doença devem se preocupar com a alimentação e evitar os defumados, gorduras animais como torresmo e as frituras. A especialista também explicou que “devem ser priorizados os vegetais, as fontes de ômega 3 e os probióticos”.

“É importante o consumo de alimentos ricos em fenilalanina. Isto porque este aminoácido é precursor da melanina. A fenilalanina é encontrada em fontes protéicas como ovos, carne de boi, nozes, feijão, frutos do mar, requeijão, leite desnatado e desidratado, amendoim, além de sementes como a de abóbora e de gergelim”, explicou.

A especialista ainda chama a atenção para as fontes de vitamina A, responsáveis por manter saudáveis as camadas externas de tecidos epiteliais.

“Os alimentos fontes de vitamina A são óleo de fígado de peixe, vegetais verdes e amarelos, cenoura, ovo, leite, queijo, iogurtes e margarinas", disse.


Estudo

Estudos mostram que estresse físico, emocional, ansiedade podem agravar a doença, que se manifesta na forma de manchas brancas de tamanhos variados no corpo.

 

Acompanhe as atualizações de saúde na editoria e no instagram @vidasaudavelnacv.

 

Da Redação
[email protected]

Imprimir