Cidadeverde.com
Geral

"Sem chão, só Deus pra segurar", diz lavrador que perdeu 4 familiares em acidente

Imprimir

Familiares das vítimas fatais do grave acidente que matou 8 pessoas na PI-140, na noite de sábado, entre as cidades de Floriano e Itaueira, estão em Teresina aguardando a liberação dos restos mortais. Enquanto esperam pelos resultados dos exames de DNA, eles tentam buscar forças para entender o que aconteceu. O lavrador Érico Santana, por exemplo, perdeu 4 familiares, dentre eles a mãe e duas irmãs.

“É triste demais o cara receber a notícia de que a mãe da gente foi queimada e chega lá a gente vê só o ladozinho do rosto dela que ficou sem queimar. O cara fica sem chão. Só Deus mesmo para segurar a gente em pé numa hora daquela”, afirmou à TV Cidade Verde.

A mãe de Érico, a aposentada Douraci Pereira da Silva Santana, tinha 55 anos. A filha Jorgina da Silva Santana , 26 anos, era estagiária de pedagogia, já Jaqueline da Silva Santana, 22 anos, era lavradora. A quarta vítima fatal foi a neta Milena, de 15 anos. Todas estavam no mesmo carro que se envolveu no acidente com outro que prestava serviço para a prefeitura de Itaueira.

Foto: Arquivo Pessoal

Francisco Costa, primo do motorista do veículo que também morreu na tragédia, disse que o principal causador do acidente foi o gado que estava na pista. 

“O carro bateu no boi, perdeu o controle e bateu no outro carro”, afirmou.

No veículo da prefeitura de Itaueira uma família também foi devastada pela tragédia. Além do motorista Haroldo, morreram Francidalva e Natan, mãe e recém-nascido que tinham acabado de deixar o hospital de Floriano.

“A gente esperava ela chegar bem com o bebê, ai a notícia chega do jeito que chegou. Não foi fácil. Está todo mundo arrasado. Não é fácil perder duas pessoas da família”, disse Mardonio Ferreira, irmão de Francidalva.

O acidente

Uma colisão entre dois veículos deixou oito pessoas mortas entre as cidades de Floriano e Itaueira, na região Sul do Piauí, na noite de sábado (9). A tragédia aconteceu por volta das 22h30, na localidade Alecrim. No impacto, os dois carros pegaram fogo. Um terceiro veículo também se envolveu no acidente e desceu a ribanceira da rodovia, a PI-140.

Morreram no acidente (veículo Classic)
Doraci Pereira da Silva (mãe)
Jaqueline da Silva Santana (filha)
Jorgina da Silva Santana (filha)
Milena Rodrigues (neta)
Rafael dos Santos (Motorista) 

Morreram no acidente (Doblô)
Haroldo Carvalho da Silva (Motorista)
Francidalva Ferreira (mãe)
Bebê (Natan) 

Hérlon Moraes
[email protected]

Imprimir