Cidadeverde.com
Geral

Barretos gourmetiza Festa do Peão na retomada após dois anos

Imprimir

Foto: Eduardo Martins / AgNews

A volta da Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos após dois anos devido à pandemia transformou algumas áreas do Parque do Peão, recinto projetado por Oscar Niemeyer (1907-2012) e que abriga o evento desde os anos 1980.

Novas opções gastronômicas, a reestilização do camping para atrair mais famílias, shows privados para quem se hospedar no local e investimentos em infraestrutura do parque foram feitos com objetivo de fidelizar os visitantes do principal evento do gênero no país.

Se antes no recinto os 900 mil visitantes encontravam apenas iguarias típicas de eventos interioranos, como espetinhos, pastéis, cachorro quente, além de um ou outro restaurante, agora a feira comercial – uma enorme praça de alimentação a céu aberto– oferece também sushi, sanduíches gourmet, risoto, açaí, nhoque e yakisoba, entre outras opções para matar a fome na maratona musical e de provas de rodeio na cidade do interior paulista.

Barretos (a 423 km de São Paulo) está com hotéis lotados e, apesar de manter a expectativa de público dos anos pré-pandemia, recebeu nos primeiros dias da sua 65ª edição mais visitantes que nos anos anteriores.
"É bom ter opção que não seja o dogão de fim de noite", disse a estudante Tamires Veiga, 22, de Campinas, enquanto aguardava para comer uma macarronada com duas amigas.

Para a nova área gastronômica foi criado um espaço denominado Jardim Gourmet, que se soma às ruas do parque e à antiga praça de alimentação.

A festa deste ano também conta com um novo camping, um ambiente criado para ser mais tranquilo e voltado para as famílias, em substituição ao antigo camping de "solteiros", onde era comum haver strippers, bebidas, drogas, festas e música em alto volume 24 horas por dia.

Neste final de semana, um grupo de pessoas de várias cidades paulistas e mineiras se divertia jogando vôlei numa quadra montada no espaço, por exemplo.

O local também passou a abrigar shows privados com cantores e duplas sertanejas. Só entra na área de camping quem usar a pulseira comprovando que está hospedado no local. Por quatro dias, o preço era de R$ 950 por pessoa –há uma taxa extra por veículo que chega ao local.

As mudanças no Parque do Peão ainda incluíram um investimento total de R$ 10 milhões em pintura dos principais prédios da fazenda que abriga festa, na construção de uma nova ala de camarotes de 2.500 metros quadrados, na reestilização de um camarote ao lado do palco e na troca de piso em parte do recinto.

"Procuramos modernizar o que já tinha e melhorar com atrações novas para o visitante que chega pela primeira vez se encante e volte", disse Jeronimo Luiz Muzetti, presidente de Os Independentes, associação que organiza a festa desde 1956.

Hussein Gemha Júnior, diretor financeiro da associação, disse que o início da festa deste ano surpreendeu e que a expectativa para a sequência do evento é muito forte.

"Por mais que a gente tenha experiência, havia muita ansiedade e expectativa. Não só os turistas, mas quem está participando como integrantes da feira comercial, patrocinadores, equipes de shows e rodeio, foi surpreendente para todos."

A Festa do Peão de Barretos acontecerá até o dia 28 com mais de cem shows distribuídos por cinco palcos.
Entre as atrações confirmadas estão Gusttavo Lima, Bruno & Marrone, Ícaro & Gilmar e Alok.

Na arena de rodeios, neste domingo (21) acontecerá a final da PBR (Professional Bull Riders) Brasil, competição que reuniu ao longo da temporada peões em etapas espalhadas em todo o país.

Já as finais da LNR (Liga Nacional de Rodeio) serão disputadas dias 22 a 24 e 27, enquanto a 28ª edição do Barretos International Rodeo acontecerá entre os dias 25 e 28.

Os ingressos custam de R$ 30 a R$ 370. Em camarotes open bar, o preço chega a R$ 3.490.

Fonte: Folhapress

Tags: Barretos
Imprimir