Cidadeverde.com
Cidades

Polícia Militar encontra plantação com quase 100 mil pés de maconha em Campinas do Piauí

Imprimir
  • maconha_pes1.jpg PM-PI
  • pm_pi_sim´licio.jpg PM-PI
  • planatação1022.jpg PM-PI
  • planatwe_011.jpg PM-PI
  • 02332.jpg PM-PI
  • psakwq.jpg PM-PI

A Polícia Militar localizou uma plantação de maconha com quase 100 mil pés, além de 1.924 quilos que estavam enterrados na localidade de Salinas, em Campinas do Piauí, a 386 km de Teresina, na sexta-feira (23). Toda a droga será incinerada na manhã deste sábado (24).

A plantação foi localizada na zona rural após investigação realizada pelo Serviço de Inteligência. Equipes formadas pela Polícia Militar de Simplício Mendes, Patrulhamento Rural do 4°BPM (Picos), DINT e o BOPAER decidiram ir ao local na sexta-feira.

“Em razão da consistência da informação e da provável magnitude da área cultivada, o Batalhão de Operações Aéreas foi acionado a fim de possibilitar o acesso rápido e eficiente àquela inóspita e isolada região de caatinga do Vale do Canindé”, informou a PM. O Batalhão de Operações Aéreas estava combatendo um incêndio na região, quando foi acionado para conferir a informação sobre a plantação, e ao passar pela região comprovou a sua existência.

Estima-se que o terreno tenha 17 hectares e foram contabilizados quase 100 mil pés de maconha, além de droga enterrada com 1.924 kg.

"Na manhã de hoje, sábado, foi dada continuidade a operação com a contabilização da quantidade exata de plantas ilegais cultivadas na área, bem como a pesagem da droga que já estava pronta para comercialização. Ao todo foram encontrados aproximadamente 100.000 pés de maconha e ainda 1.924 quilos de maconha ensacados e enterrados", informou o tenente Damata, da PM em Simplício Mendes.

Quando os policiais chegaram ao local os trabalhadores conseguiram fugir e ainda não foram localizados. "No momento da operação ninguém foi preso, mas o proprietário já está identificado e todas as informações serão repassadas para a Polícia Civil que dará continuidade a investigação", explicou o tenente.

Na manhã deste sábado, será efetuada toda a erradicação do plantio e a apresentação à polícia judiciária.

 

 

 

 

Bárbara Rodrigues
[email protected]

 

Imprimir