Cidadeverde.com
Política

Coronel Diego Melo pede voto consciente aos eleitores: "é hora de colocar gente boa para nos representar"

Imprimir

Foto: Bárbara Rodrigues / Cidadeverde.com 

O coronel Diego Melo pediu que os eleitores votem com consciência para a disputa que acontece neste domingo (2). Ele votou no posto do INSS localizado na Avenida João XXIII, na zona Leste de Teresina.

O coronel desistiu da sua candidatura ao governo para apoiar Silvio Mendes (União Brasil). Ele afirmou que essa foi a estratégia adotada para evitar que a disputa siga para o segundo turno. Ele disse acreditar que Silvio Mendes e Jair Bolsonaro vencem no primeiro turno.

"Foram 45 dias para levar as nossas ideias, combatemos o bom combate, mas cheguei a um momento onde achei que estava levando o PT para ir ao segundo turno mantendo a minha candidatura, então conversando com o povo do Piauí, com a minha família e amigos, a minha decisão foi de recuar para vencer no segundo turno e assim como desde o começo, é Piauí acima de tudo.  Entramos nessa disputa para afastar o PT do Piauí, se Deus quiser, hoje ainda vamos ter essa certeza, aqui e a nível nacional", afirmou.

Mesmo desistindo, seu nome vai continuar na urna, pois a desistência ocorreu antes do tempo necessário para a retirada. Ele pediu que as pessoas votem com consciência.

"Acho que as pessoas precisam ter consciência, eu divulguei bem. Os eleitores que votam em mim são conscientes, os eleitores que me seguem, se votarem 22, para mim, vão anular o voto, então não adianta, pois ajuda o PT, então tem que votar com consciência", destacou.

Para o ex-candidato ao governo, o eleitor deve estar atento a quem escolhe. "Que reflita bem, conheça os seus candidatos, vote com coração e consciência, que não vote em bandido, é hora de colocar gente boa para nos representar, apenas bons nomes, temos boas pessoas que nos darão orgulho, na Assembleia, no governo e a nível estadual", destacou.

Bárbara Rodrigues
[email protected]

Imprimir