Cidadeverde.com
Esporte

Brasil estreia no Mundial de Judô com eliminações de Kuwabara e Amanda Lima

Imprimir

A jornada do Brasil no Mundial de Judô de Tashkent, no Usbequistão, começou com duas eliminações logo na primeira rodada nesta quinta-feira. Allan Kuwabara e Amanda Lima, ambos da categoria até 60kg e estreantes em mundiais, foram os primeiros brasileiro a entrarem no tatame da Humo Arena e saíram de lá derrotados.

Kuwabara enfrentou o britânico Samuel Hall, que garantiu a vitória ao imobilizar o brasileiro após marcar um wazari.

"Meu primeiro Mundial, eu estava muito nervoso. Mas, o que levo daqui é voltar para casa e treinar mais. Minhas condições estavam muito boas, mas foi tudo muito rápido, não consegui sentir muito a competição. Vou voltar para casa, treinar mais e vir melhor na próxima", comentou o judoca.

Amanda Lima, por sua vez, sofreu um wazari da cazaque Abiba Abhuzakinova logo no início da luta, mas conseguiu empatar antes de o tempo zerar e levou a decisão ao golden score.

Apesar da reação, foi surpreendida com uma entrada rápida e acabou eliminada. Abhuzakinova avançou às oitavas e eliminou a francesa Shirine Boukli, cabeça de chave número 1 da competição.

"Vou tirar o máximo proveito que eu tive dessa competição, tentar aprender com meus erros. Eu vim para esse campeonato, realmente, querendo ganhar tudo, independentemente se era a primeira, a segunda, eu vim para me entregar. Eu queria muito ter conseguido andar na chave, conseguir uma medalha, infelizmente não deu", lamentou Amanda.

O Brasil terá mais judocas competindo no Mundial ao longo da sexta-feira, a partir das 2h30 (horário de Brasília). Os representantes brasileiros do dia serão Willian Lima (66kg), Eric Takabatake (66kg) e Larissa Pimenta (52kg).

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir