Cidadeverde.com
Esporte

Gabi brilha no ataque, e Brasil vence a Holanda no Mundial de vôlei

Imprimir

A seleção feminina de vôlei segue crescendo no Mundial. Depois de bater Itália e Porto Rico, a equipe treinada por José Roberto Guimarães confirmou o favoritismo e venceu a Holanda nesta quinta-feira (7), em Roterdã, por 3 sets a 0. As parciais foram de 25/19, 25/19 e 25/20.

Foto - Divulgação/FIBV

Gabi brilhou na partida. A ponta anotou 19 pontos, liderando a estatística entre todas as jogadoras. Carol, que já havia ido bem contra Porto Rico, também teve boa atuação, fechando todos os sets. A central contribuiu virando bolas, mas brilhou mesmo nos bloqueios: foram nove no total.

É a terceira vitória da seleção em três jogos na segunda fase do Mundial. O resultado deixou o Brasil perto das quartas de final: agora são 20 pontos, na vice-liderança da chave. A Itália está na ponta do Grupo E, com 22 pontos.

De quebra, a seleção eliminou a Holanda do Mundial com o triunfo dominante nesta sexta.

O próximo desafio do Brasil no Mundial de vôlei é neste sábado (8). A seleção enfrenta a Bélgica pela penúltima rodada da segunda fase do torneio, disputado na Holanda e na Polônia.

A parcial de 25/19 mostra equilíbrio na primeira parcial do jogo. O Brasil esteve à frente na maior parte do tempo, mas precisou de Gabi saltando alto na ponta e de um bloqueio eficiente para ficar em vantagem.

Na reta final do set, as donas da casa mostraram nervosismo, errando recepção e tendo dificuldade para bloquear as brasileiras.

O segundo set começou quente, com as holandesas confirmando saques e ataques. Aos poucos, no entanto, as brasileiras entraram em jogo novamente e chegaram a ter 16 a 10.

No fim, o Brasil repetiu o 25/19 e ficou mais tranquilo no confronto. Gabi, na ponta, foi a arma ofensiva nos pontos finais, em um momento de pressão na partida.

A Holanda não foi uma adversária fácil, mas o Brasil soube conter os momentos de maior empolgação das donas da casa. Com Gabi e Carol em grande jornada, a seleção neutralizou a reação das europeias na terceira parcial, conseguiu 25/20 e fechou o jogo sem perder nenhum set.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir