Cidadeverde.com
Vida Saudável

Maioria dos alimentos in natura ou minimamente processados tem alto teor de água

Imprimir

Foto: Pixabay/fotos gratis

A água é essencial para a sobrevivência e manutenção da vida. Durante a infância, 75% do peso corporal corresponde a água. Na vida adulta, a água corresponde a mais de 50%. O "Guia Alimentar para a População Brasileira" ensina que, como qualquer alimento, a quantidade de água que deve ser ingerida por dia é variável e depende de vários fatores, como idade, peso, atividades físicas realizadas, clima, temperatura do ambiente etc. Para alguns, a ingestão diária de dois litros de água é suficiente e, para outros, o consumo precisa ser de três ou quatro litros, como no caso dos esportistas.

O corpo humano, a partir de sensores localizados no cérebro, é capaz de regular de maneira eficiente, o balanço diário de água. Esses sensores permitem sentir sede e impulsionam a pessoa a ingerir líquidos sempre que o consumo de água não é suficiente para repor o que foi utilizado ou eliminado.

Nesse contexto, a qualidade da água é algo importante a ser observado. É essencial que tanto a água bebida quanto a água utilizada nas preparações culinárias sejam potáveis para o consumo humano. A água fornecida pela rede pública de abastecimento deve atender a esses critérios. Em caso de dúvida, é possível filtrar e ferver antes de consumir.

Faz parte da cultura alimentar do brasileiro o consumo de água na forma de bebidas como café e chá. Nesses casos, convém não adicionar açúcar ou pelo menos reduzir a quantidade ao mínimo. Ter à mão cantis ou pequenas garrafas com água fresca é boa providência quando se está fora de casa.

A maioria dos alimentos in natura ou minimamente processados e das preparações desses alimentos tem alto teor de água:

  • O leite e a maior parte das frutas contêm entre 80% e 90% de água;
  • Verduras e legumes cozidos ou na forma de saladas costumam ter mais do que 90% do seu peso em água;
  • Após o cozimento, macarrão, batata ou mandioca têm cerca de 70% de água;
  • Um prato de feijão com arroz é constituído de dois terços de água.

Por outro lado, alimentos ultraprocessados são, em geral, escassos em água, exatamente para que durem mais nas prateleiras. Refrigerantes e vários tipos de bebidas adoçadas possuem alta proporção de água, mas contêm açúcar ou adoçantes artificiais, além de aditivos, razão pela qual não podem ser considerados fontes adequadas para hidratação.

Alimentação saudável

Durante o mês de outubro, em razão do Dia Mundial da Alimentação, o Ministério da Saúde disponibiliza uma série de vídeos sobre hábitos alimentares em cada etapa da vida, por meio do canal no Youtube. 

Receitas

Para conhecer receitas e formas de preparo dos alimentos in natura ou minimamente processados que valorizam a cultura alimentar brasileira, acesse a publicação “Na cozinha com as frutas, legumes e verduras”.

Segundo o Ministério da Saúde, a valorização e o incentivo do consumo de frutas, legumes e verduras representam uma importante estratégia de promoção da saúde e de alimentação adequada e saudável, contribuindo para a melhoria do padrão alimentar e nutricional e para a redução de Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT).

 

Fonte: Ministério da Saúde 

Imprimir