Cidadeverde.com
Esporte

Presidente da CBF fala em trabalho alinhado com Tite em preparação para Copa do Mundo

Imprimir

Estamos a poucos dias de começar mais uma Copa do Mundo, agora no Catar. A competição responsável por unir o mundo através do espetáculo do futebol tem para os brasileiros neste ano de 2022 uma nova oportunidade de buscar o tão desejado hexacampeonato. A Copa inicia no dia 20 de novembro e encerra dia 18 de dezembro. O Brasil enfrenta na fase de grupos: Sérvia, Suíça e Camarões. 

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues não esconde sua expectativa em torno da taça e frisa que todo o suporte foi dado ao técnico Tite na fase de preparação. “Tudo está sendo feito junto com a comissão técnica, junto com Tite e membros da comissão, no intuito de ter um trabalho com bastante desenvoltura, qualidade e tudo que tem sido demandado para presidência da CBF, a CBF tem dado retorno para que possa a comissão técnica e atletas ter o melhor para se apresentar na Copa do Mundo no Catar”, afirmou o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues. 

Ednaldo Rodrigues, 68 anos, assumiu o cargo mais importante do futebol brasileiro esse ano e segue à frente da entidade até 2026. Está na presidência da CBF no caso de Ednaldo trouxe uma mudança de perfil por ser um homem negro e nordestino no cargo. 

Ciente do elo entre os brasileiros e a Copa do Mundo e que já são 20 anos desde o último titulo ele frisa o peso de conseguir voltar a conquistar a taça e dar essa felicidade genuína ao povo brasileiro. 

“Os atletas tem ótimo desempenho e também foco total na conquista dessa Copa do Mundo, assim como também toda comissão técnica portanto esperamos que tudo possa dar certo e que deus possa nos ajudar, conquistar o hexacampeonato e dar tantas alegrias ao futebol brasileiro e ao povo no nosso país”, acrescentou Ednaldo Rodrigues. 

A estreia da Seleção Brasileira na Copa do Mundo será no dia 24 de novembro, diante a Servia. A Copa inicia oficialmente no dia 20 de novembro e a grande final será no dia 18 de dezembro. 

 

 


Pâmella Maranhão
[email protected]

Imprimir