Cidadeverde.com
Esporte

França divulga convocados à Copa sem Kanté e Pogba e com uma vaga em aberto

Imprimir

Didier Deschamps anunciou na tarde desta quarta-feira (9) os nomes dos 25 jogadores que vão defender a seleção francesa na Copa do Mundo do Qatar. As principais ausências são Paul Pogba e N'Golo Kanté, lesionados, e o treinador vai precisar fazer adaptações no meio de campo.

Os convocados no setor são Camavinga, Youssouf Fofana, Guendouzi, Rabiot, Tchouaméni e Jordan Veretout. Todos têm característica mais defensiva, atuando preferencialmente como volantes, o que dá algumas pistas.

Sem Pogba, que faria a ligação com o ataque e na seleção francesa tem papel importante na criação, essa função pode ficar sob responsabilidade de Antoine Griezmann. O canhoto tem perfil para a posição e ainda liberaria espaço para Dembélé na ponta direita.

Por outro lado, os jovens Camavinga e Tchouaméni, do Real Madrid, surgem como promessas no futebol francês e a tendência é que dominem o meio de campo da seleção europeia no Mundial.

Como esperado, Mbappé, um dos principais nomes do futebol mundial na atualidade, está entre os escolhidos pelo treinador francês para disputar sua segunda Copa na carreira. Além dele, Karim Benzema, que venceu recentemente a Bola de Ouro, está na lista de Deschamps.

Paul Pogba e N'Golo Kanté perdem a Copa por lesão. O jogador da Juventus teve uma lesão no joelho direito e depois acabou sofrendo com uma sobrecarga muscular, que vai mantê-lo afastado dos gramados até pelo menos 2023. 

Já Kanté passou por uma cirurgia para tratar uma lesão na coxa e sua previsão de retorno é de quatro meses.

Apesar dos desafios para substituir os astros no meio, Deschamps não quis saber de utilizar as 26 vagas disponibilizadas pela Fifa. Ele escolheu 25 nomes e foi ríspido para explicar a decisão.

Essa opção do técnico interfere nas laterais. Ele chamou apenas um jogador de origem para cada lado: Theo Hernandez na esquerda, Pavard na direita.

Com a decisão, Clauss (lateral-direito), Mendy (lateral-esquerdo), do Real Madrid, e Digne (lateral-esquerdo) ficaram fora. A tendência, neste cenário, é pela utilização de um sistema com três zagueiros, com um ala mais ofensivo (como por exemplo Coman) e outro mais defensivo.

Além disso, Deschamps conta com Lucas Hernandez (esquerda) e Koundé (direita) para fazer improvisações nas laterais, caso seja necessário. A dupla tem experiências no setor, apesar de não ser a posição de origem de ambos.

A França está em busca de seu terceiro título do Mundial da Fifa, segundo consecutivo, já que é a atual campeã da competição. Nesta edição, os Bleus estão no Grupo D. A chave ainda conta com Austrália, Dinamarca e Tunísia.

A estreia dos franceses será no dia 22 de novembro contra a Austrália, dois dias depois da abertura da Copa do Qatar. A partida está prevista para iniciar às 16h (de Brasília).

CONFIRA OS CONVOCADOS DA FRANÇA PARA A COPA DO MUNDO:

Goleiros: Alphonse Areola, Hugo Lloris e Steve Mandanda;

Defensores: Lucas Hernandez, Theo Hernandez, Presnel Kimpembe, Ibrahima Konaté, Jules Koundé, Benjamin Pavard, William Saliba, Dayot Upamecano e Raphael Varane;

Meias: Eduardo Camavinga, Youssouf Fofana, Mattéo Guendouzi, Adrien Rabiot, Aurélien Tchouaméni e Jordan Veretout;

Atacantes: Karim Benzema, Kingsley Coman, Ousmane Dembélé, Olivier Giroud, Antoine Griezmann, Kylian Mbappé e Christopher Nkunku;

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir