Cidadeverde.com
Esporte

Sainz Jr. sofre punição e perderá 5 posições no grid do GP de São Paulo de F-1

Imprimir

Sem conseguir brilhar no primeiro treino livre do GP de São Paulo de Fórmula 1, o espanhol Carlos Sainz Jr. deve ter um fim de semana difícil no Autódromo de Interlagos. Nesta sexta, ele foi punido com a perda de cinco posições no grid de largada da corrida programada para domingo, às 15 horas.

O piloto da Ferrari sofreu a sanção porque superou o limite de troca de componentes da unidade de potência do seu carro na temporada. Ele vai usar seu sexto motor de combustão interna na capital paulista. Além disso, terá um novo sistema de exaustão pela oitava vez no ano.

A punição será aplicada somente no domingo e não na corrida sprint, no sábado. Esta prova reduzida, com um terço da duração da corrida, vai definir o grid de largada para domingo. Sainz, portanto, terá que mostrar serviço no sábado para compensar as perdas previstas no grid.

O espanhol iniciou sua trajetória neste fim de semana com um pouco empolgante quarto lugar no primeiro treino livre, marcando o tempo de 1min12s039. O mexicano Sergio Pérez, da Red Bull, foi o mais veloz, com 1min11s853. 

Ainda nesta sexta, a partir das 16 horas, os pilotos voltarão para o traçado paulista para o treino classificatório, que decidirá o grid da corrida sprint.

O finlandês Valtteri Bottas e o chinês Zhou Guanyu, ambos da equipe da Alfa Romeo, também trocaram componentes dos seus carros, mas dentro dos limites permitidos pelo regulamento técnico da F-1. Portanto, não sofreram punições.

No sábado, o segundo treino livre será às 12h30. A largada da sprint está marcada para 16h30. No domingo, a prova terá início às 15 horas.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir